Retificação

0
24
DR

A notícia “Professores de AEC na primeira pessoa”, publicada na semana passada no Suplemento de Educação, contém uma imprecisão, a que o labor foi alheio, que agora vimos retificar e pela qual pedimos desculpas.

No que diz respeito a Cristina Ferraz, damos nota que esta professora de Música trabalhava a recibo verde. No entanto, tal acontecia apenas na qualidade de docente do ensino privado e não de Atividade de Enriquecimento Curricular (AEC) em S. João da Madeira.

Para que não restem dúvidas: no município sanjoanense todos os professores de AEC são contratados a tempo parcial pela autarquia.

 

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui