AD Sanjoanense, 2 – FC Pedras Rubras, 1

Jogo no Estádio Conde Dias Garcia.

Árbitro: Albano Correia, auxiliado por Pedro Costa e Leonel Ferreira (AF Braga).

AD Sanjoanense: Nuno Dias, Cauê, Almeida, Ken, Castro, Syzsi, Matheus Roldan, Kay Kay, Rafa, Gazela, Caleb.

Suplentes: Fábio, Vítor Bastos, Florentino, Daniel Adjei, Coulibaly, Terrence, Martin.

Treinador: Nuno Costa.

FC Pedras Rubras: Isac, Pimenta, Taborda, Augusto, Tiago Silva, Nikiema, Vítor Andrade, Miguel Vaz, João Pedro, Igor, Nuno Pereira.

Suplentes: André Fonseca, Paulinho, Dibola, Thomas, Renan, Carlitos, Matheus.

Treinador: António Pedro.

Ao intervalo: 2-1.

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Caleb (34’), Tiago Silva ( 47’), Castro (61’), Nuno Dias (92’).

Marcha do marcador: 1-0 por Rafa (9’), 1-1 por João Pedro (17’), 2-1 por João Pedro (36’ pb).

A Sanjoanense conquistou mais três pontos naquele que foi último jogo em casa de 2018, mas bem pode agradecer à equipa adversária que, com um autogolo, acabou por dar a vitória aos alvinegros.

Os locais até entraram bem na partida e por várias vezes chegaram com perigo à baliza contrária e aos nove minutos Rafa respondia da melhor forma a um cruzamento de Kay Kay à entrada da área e inaugurava o marcador. O domínio dos homens de Nuno Costa foi evidente durante mais algum tempo, mas à passagem do primeiro quarto de hora os visitantes já tinham conseguido algum equilíbrio e depois de uma primeira ameaça a igualdade acabaria mesmo por chegar, quando aos 16 minutos uma desatenção de Ken deixa um homem do Pedras Rubras em boa posição e é Almeida que resolve com um desvio para canto. Na cobrança do lance a bola sai direita a João Pedro que, de cabeça, restabelece a igualdade.

O golo galvanizou os visitantes, que aumentaram a pressão e por várias vezes causaram alguns calafrios à defensiva alvinegra, que ainda viu uma bola embater no poste da baliza à guarda de Nuno Silva. Mas foram os locais que chegaram novamente ao comando no marcador quando aos 36 minutos, num lance infeliz, é João Pedro que, no meio da confusão, desvia para o fundo das redes uma bola que Kay Kay cruzou para a boca da baliza.

Já em cima do intervalo Ken podia ter aumentado a vantagem, mas Isac, mesmo em desequilíbrio, negou o golo ao nigeriano.

Na segunda parte a Sanjoanense quase não incomodou o guardião visitante e foi o Pedras Rubras que mais pressionou, mas sem qualquer alteração no marcador. Ainda assim, foram os alvinegros os primeiros a criar perigo, quando aos cinco minutos um remate rasteiro de Kay Kay, à entrada da área, obrigou o guarda-redes da formação da Maia a uma defesa em dificuldade, mas foram os homens de António Pedro que estiveram mais perto do golo ao enviarem a bola ao poste já em tempo de compensação.

Com este triunfo a Sanjoanense ascendeu à quinta posição e tem agora duas deslocações difíceis fora de portas. No próximo domingo joga com o União, na Madeira, e no fim de semana seguinte ruma a Gondomar para defrontar o líder da Serie B do Campeonato de Portugal.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui