SJM angaria 8.189 quilos de alimentos para o Banco Alimentar

0
45
GN

É o primeiro concelho do EDV e o quarto do distrito com mais bens recolhidos

Dos 127.381 quilos de alimentos recolhidos pelo Banco Alimentar contra a Fome (BACF) de Aveiro, este último fim de semana, em mais uma “campanha saco”, 8.189 dizem respeito a S. João da Madeira (SJM). Número que coloca o concelho sanjoanense no topo dos donativos do Entre Douro e Vouga (EDV), seguido de Santa Maria da Feira (7.652 kg), Oliveira de Azeméis (6.827 kg), Vale de Cambra (4.936 kg) e Arouca (3.663 kg). Já a nível distrital, SJM posiciona-se no quarto lugar, sendo antecedido por Lourosa (8.238 kg), Espinho (9.837 kg) e Aveiro (23.761 kg).

No distrito de Aveiro, cerca de 1.500 pessoas de todas as idades, unidas por uma causa, disponibilizaram algum do seu tempo para participar nesta campanha. Tarefas como a recolha nos estabelecimentos comerciais, o transporte, a pesagem e a separação dos produtos foram integralmente asseguradas por voluntários, o que confirma “quer a solidariedade sempre presente dos portugueses, quer a sua confiança renovada vez após vez na ideia e no conceito subjacente à atividade os BACF”, refere a presidente do BACF aveirense, Odete Maia Marques, em comunicado enviado ao labor, agradecendo-lhes ainda, pela mesma via, toda a colaboração.

Até 9 de dezembro: campanha “Ajuda Vale”

Depois desta ação que decorreu sob o lema “É preciso mais para que falte ainda menos” em 145 superfícies comerciais do distrito, o BACF de Aveiro já começou a distribuir os alimentos às cerca de 210 instituições que apoia e acompanha ao longo do ano, entre as quais algumas de SJM. Mas atenção que ao valor angariado durante os passados dias 1 e 2 de dezembro vão acrescer as doações online e através de vales disponíveis nas lojas, ainda não contabilizadas.

Por isso, se ainda não “alimentou” esta causa pode fazê-lo até ao próximo domingo, 9 de dezembro, no âmbito da campanha “Ajuda Vale”, através da aquisição de um vale munido de um código de barras específico disponível nas caixas dos supermercados ou da gasolineira BP.

O Banco Alimentar (BA) disponibiliza também uma plataforma eletrónica em www.alimentestaideia.pt para doação de alimentos pela internet, que permite a participação na campanha de pessoas que habitualmente não se deslocam ao supermercado ou que residam fora de Portugal, nomeadamente os emigrantes, incentivando assim a partilha neste canal mais tecnológico.

O site recolhe a participação de todos os que quiserem contribuir, mesmo que já o tenham feito numa das superfícies do distrito, mas estende a rede de contribuições muito para além desta presença física, e por mais tempo. Pode da mesma forma escolher o tipo de alimentos que quer doar, entre a mesma lista que é distribuída nos supermercados, e até o BA onde quer que seja entregue a sua contribuição.

 

 

2.146 Toneladas de alimentos recolhidas no país

Nesta que foi a 54.ª campanha de recolha de bens alimentares e voluntariado promovida em Portugal pelos Bancos Alimentares contra a Fome, foram angariadas, com a colaboração de 40 mil voluntários, 2.146 toneladas de alimentos em mais de duas mil superfícies comerciais das zonas de Abrantes, Algarve, Aveiro, Beja, Braga, Castelo Branco, Coimbra, Cova da Beira, Évora, Leiria-Fátima, Lisboa, Madeira, Oeste, Portalegre, Porto, S. Miguel, Santarém, Setúbal, Terceira, Viana do Castelo e Viseu.

Os géneros alimentares recolhidos vão ser agora distribuídos por 2.600 instituições de solidariedade social, que os entregam a cerca de 400 mil pessoas com carências alimentares comprovadas, sob a forma de cabazes ou de refeições confecionadas.

QUADRO

Localidade Alimentos recolhidos, kg
Águeda 6.804
Albergaria-a-Velha 5.458
Anadia 4.236
Arouca 3.663
Arrifana 2.064
Aveiro 23.761
Espinho 9.837
Estarreja 5.514
Gafanha da Nazaré 3.852
Ílhavo 3.935
Lourosa 8.238
Mealhada 2.974
Murtosa 1.628
Oliveira de Azeméis 6.827
Oliveira do Bairro 4.845
Ovar 7.172
Santa Maria da Feira 7.652
S. João da Madeira 8.189
Sever do Vouga 1.974
Vagos 3.822
Vale de Cambra 4.936
Total 127.381

 

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui