Campeonato Nacional de Seniores Femininos – Zona Norte

AD Sanjoanense, 2 – CH Carvalhos, 4

Jogo no Pavilhão da Associação Desportiva Sanjoanense.

Árbitro: António Santos (Aveiro).

AD Sanjoanense: Daniela Pereira (gr), Bárbara Marques (cap), Inês Carvalho, Daniela Silva e Sara Fernandes.

Suplentes: Carina Barbosa, Sofia Pinho, Joana Rodrigues, Dora Martins e Beatriz Ribeiro (gr).

Treinador: Óscar Gonçalves.

CH Carvalhos: Catarina Viola (gr), Catarina Costa, Joana Teixeira, Mafalda Silva e Renata Balonas.

Suplentes: Ana Rita Couto, Rita Batista (cap), Inês Ferreira e Rute Jorge (gr).

Treinador: Rafael Rafael.

Ao intervalo: 1-2.

Marcha do Marcador: 0-1 por Joana Teixeira (3’), 0-2 por Catarina Costa (10’), 1-2 por Daniela Silva (19’), 1-3 por Ana Rita Couto (31’), 2-3 por Bárbara Marques (20’), 2-4 por Renata Balonas (46’).

Este foi um fim de semana negro para a equipa sénior feminina da Sanjoanense. No segundo jogo da jornada dupla, as alvinegras procuravam redimir-se do desaire do encontro anterior, mas esteve melhor a formação visitante, que impôs a segunda derrota às atletas de Óscar Gonçalves.

Frente a uma equipa que apresenta melhores soluções no ataque, este era mais um jogo difícil para a Sanjoanense, mas as locais nunca viraram a cara à luta e, beneficiando do fator casa, tudo fizeram para conquistar os três pontos, frente a um adversário que não teve tarefa facilitada.

Ainda assim, começou melhor a equipa visitante que inaugurou cedo o marcador, vantagem que aos 10 minutos o Carvalhos ampliava (0-2). A Sanjoanense ainda respondeu antes do intervalo, por intermédio de Daniela Silva, deixando tudo em aberto para a segunda parte.

No período complementar Bárbara Marques ainda voltou a colocar o resultado na diferença mínima (2-3), mas foi Renata Balonas que confirmou o triunfo do Carvalhos nos últimos minutos

Termina assim a primeira volta com as alvinegras a ocupar um lugar que dá acesso à Fase Final.

No próximo domingo realiza-se a segunda eliminatória da Taça de Portugal com a Sanjoanense a receber, pelas 19h00, a formação vizinha de Santa Maria da Feira, num jogo em que se espera muito difícil para as alvinegras, que terão que recuperar de uma desvantagem de quatro golos.

António Anacleto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Loading Facebook Comments ...