“Memórias”, de Francisco Pinto Balsemão

DR

Nestas “Memórias”, Francisco Pinto Balsemão guia-nos pelas suas origens beirãs, pela extensa família, pelo bairro da Lapa, a Quinta da Marinha e o mundo das suas viagens; mas leva-nos também ao universo da sua infância, ao Liceu Pedro Nunes, à Faculdade de Direito, à Força Aérea e à sua incursão pelo ensino universitário.

Não fica, no entanto, por aqui: abre-nos as portas das empresas familiares, do Diário Popular, do Expresso, da SIC, e não só; apresenta-nos os meandros da política – no seu melhor e no seu pior –, desde a aventura da Ala Liberal e o PSD, até hoje, não esquecendo alianças e traições.Muitas, muitas histórias, onde perpassam aventuras e devaneios, mas nas quais sobressaem os amigos e, primordialmente, a mulher, os filhos e os netos. Aqui se escalpeliza toda uma vida, um percurso ímpar que contribuiu decisivamente para formar o Portugal de hoje.

“Memórias” é uma janela aberta para a vida deste homem e uma visita guiada pelo seu caminho e pela sua obra.

https://www.wook.pt/livro/memorias-francisco-pinto-balsemao/21479565?a_aid=5fd7b0d10f7fa

 

“Antes que o amanhã se vista de fogo”, de Cátia Cardoso

DR

A poesia parte do desejo da catarse resultando do sangramento que se faz para o papel, do olhar que adquirimos em relação à sociedade que nos envolve e dos sítios onde se erguem, firmes, as nossas raízes. É daqui que partem os poemas de “Antes que o amanhã se vista de fogo”.

A mensagem será diferente em cada leitura, consoante as vivências e emoções de cada pessoa – e é aí que reside a essência da poesia: razão pela qual permitimos a publicação dos poemas, antes de lhes deitarmos o fogo, aniquilando a relação entre a autora e cada palavra. A liberdade interpretativa é a única ambição subjacente à obra.

https://www.wook.pt/livro/antes-que-o-amanha-se-vista-de-fogo-catia-cardoso/25359282?a_aid=5fd7b0d10f7fa

“Histórias de (en)contar de um lobo que não gostava de Matemática”, de Maria Francisca Macedo

DR

Como o nome indica, o personagem principal é um lobo, que tinha grande aversão à Matemática e dificuldade em encontrar um bom jantar. Cheio de fome, vai-se cruzando com várias personagens (figuras-tipo das histórias tradicionais, como os três porquinhos, os sete cabritinhos, capuchinho vermelho), mas a tarefa afigura-se complicada. Será que vai conseguir comer alguma coisa? As peripécias deste lobo esfomeado vão divertir todos os leitores!

https://www.wook.pt/livro/historias-de-en-contar-de-um-lobo-que-nao-gostava-de-matematica-maria-francisca-macedo/24368446?a_aid=5fd7b0d10f7fa

 

Nota: estes livros estão disponíveis na Biblioteca Municipal Dr. Renato Araújo (BMRA) e podem ser requisitados por email ([email protected]),telefone (256200890/962146410) ou através da página da BMRA
na internet em http://sjmadeira.bibliopolis.info/#Catalogo

http://bibliotecasjmadeira.blogspot.com/

https://www.facebook.com/biblioteca.sjm

https://www.instagram.com/biblioteca.saojoaodamadeira/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Loading Facebook Comments ...