RS Praça, 3 – Vale, 3Vale

Jogo no campo das Travessas.

Real Sociedade da Praça: Vítor Morais, Luís Lima (Miltinho, 55’), Filas, Duarte (Bruno, 60’), Francisco, Lisboa, Quaresma, Henrik (Ricardo, 40’), Túlio (Renato, 55’), Luís Bastos (Aires, 75’), Manu (Assunção, 40′).

Treinador: Jorge Fonseca.

O Real Sociedade da Praça recebeu e empatou com a equipa do Vale num jogo marcado pelas temperaturas baixas, mas com a adrenalina alta.

Um início equilibrado levou a que durante os 30 minutos iniciais a disputa de bola se centrasse no meio do terreno de jogo, com ambas as equipas a estudarem-se mutuamente. Seriam, no entanto, os visitantes a colocarem-se em vantagem à passagem da meia hora, quando o ponta de lança visitante, descaído pelo lado direito, ultrapassa a defensiva dos locais e aproveita a saída do guardião Vítor para inaugurar o marcador.

O Real não acusou a desvantagem e a resposta dos locais não tardou. Quatro minutos volvidos Luís Bastos é travado em falta dentro da área e vê assinalada grande penalidade, que Quaresma aproveitou para repor a igualdade com um forte remate, resultado que prevaleceu até ao descanso.

Insatisfeito com o resultado ao intervalo, Jorge Fonseca efetuou alterações à equipa. O técnico lançou Assunção e Ricardo e foi este último que se revelou fundamental. Se aos 54 minutos um cruzamento eficaz permitiu a finalização de Luís Bastos, colocando o Real no comando, aos 61 foi o próprio Ricardo que fez o gosto ao pé. Numa incursão pela direita o homem do Real pressionou o central da equipa do Vale, que se viu obrigado a atrasar a bola para o guarda-redes. Ricardo não desistiu do lance e acabou por recuperar a bola e finalizar na cara do guardião visitante.

Nos últimos momentos o Real foi resolvendo as tentativas do adversário para reduzir a diferença de dois golos (3-1), mas os oito minutos de compensação revelaram-se fatais para os homens da casa. O Real viu o Vale chegar ao segundo fruto de uma jogada bem delineada e ao empate, dois minutos depois, num lance fortuito que proporcionou um remate à entrada da área.

O igualdade castigou o desempenho do Real, mas premiou a equipa do Vale, que acreditou no empate até ao último segundo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...