Luzes e outros elementos decorativos natalícios custarão cerca de 30 mil euros 

 

Este ano, indo ao encontro do Plano Municipal de Transição Energética e também do despacho que Jorge Sequeira emitiu a 7 de outubro após recomendações do Governo, a câmara vai reduzir em “mais de metade” o investimento em iluminação de Natal.

 

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa de 3 de novembro ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Loading Facebook Comments ...