CENAP, 1 – AD Sanjoanense, 16

Jogo no Pavilhão do CENAP, Cacia.

Árbitro: Vítor Pinheiro.

CENAP: Matilde Santos, Beatriz Costa, Matilde Machado, Patrícia Costa, Catarina Martins.

Suplentes: Mafalda Alho, Mariana Silva, Sofia Portugal, Inês Martins, Francisca Martins.

Treinador: João Correia.

AD Sanjoanense: Ana Margarida Borges, Inês Ferreira, Joana Rodrigues, Renata Balonas, Matilde Lua.

Suplentes: Catarina Viola, Bárbara Marques, Ana Rita Couto, Inês Carvalho.

Treinador: Carlos Gonçalves.

Ao intervalo: 0-6.

Carrão azul para Bárbara Marques (31’).

Marcadoras: Matilde Lua (4’, 15’), Inês Ferreira (5’, 27’, 43’, 46’. 50’), Renata Balonas (9’, 29’, 33’), Bárbara Marques (9’, 34’), Inês Carvalho (23’), Ana Rita Couto (27’, 35’, 39’), Matilde Machado (31’).
Faltas: CENAP, 11 | AD Sanjoanense, 7.

AD Sanjoanense, 2 – AA Coimbra, 1

Jogo no Pavilhão da AD Sanjoanense.

Árbitro: Marco Gomes.

AD Sanjoanense: Catarina Viola, Ana Rita Couto, Inês Ferreira, Joana Rodrigues, Renata Balonas.

Suplentes: Ana Margarida Borges, Bárbara Marques, Ana Sofia Silva, Matilde Lua, Inês Carvalho.

Treinador: Carlos Gonçalves.

AA Coimbra: Rita Albuquerque, Inês Torres, Salomé Simões, Catarina Costa, Eva Faim.

Suplentes: Ana Rita Catalão, Mariana Duarte, Francisca Duarte, Diana Firsava, Joana Campos.

Treinador: Carlos Fernandes.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadoras: Matilde Lua (14’), Catarina Costa (18’), Joana Rodrigues (35’).

Faltas: AD Sanjoanense, 8 | AA Coimbra, 7.

Depois de dois desaires consecutivos, a Sanjoanense regressou às vitórias em mais um fim de semana de jornada dupla, ainda que com resultados bem distintos.

No sábado não eram esperadas grandes dificuldades na deslocação a Cacia. Frente ao último classificado, ainda sem qualquer ponto somado, as alvinegras golearam o CENAP por uns expressivos 1-16, com Inês Ferreira a destacar-se com cinco golos marcados. Mas até foi a equipa da casa que podia ter inaugurado o marcador, quando aos quatro minutos beneficiou de uma grande penalidade. Ana Margarida Borges negou o golo a Sofia Portugal e logo de seguida Matilde Lua abriu caminho para a goleada das forasteiras, que chegaram ao intervalo a vencer por 0-6.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa de 16 de fevereiro ou no formato digital. Assine o labor aqui.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...