Há mais de 100 profissionais de hospitais do Norte que tomaram a mesma decisão

 

A Federação Nacional dos Médicos (FNAM) revelou, na passada sexta-feira, que mais de uma centena de médicos apresentou pedidos de escusa à realização de mais horas extraordinárias, colocando, desta forma, em causa a elaboração de escalas nos serviços de urgência.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa de 21 de setembro ou no formato digital. Assine o labor aqui.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...