S. Bernardo, 33 – AD Sanjoanense, 32

Jogo no Pavilhão das Travessas, em S. João da Madeira.

Árbitros: Mário Coutinho e Jesua Marçalo.

S. Bernardo: Hugo Paula, Pedro Sousa (7), Nuno Carvalho (6), Hélder Carlos (1), Ulisses Ribeiro (1), João Saraiva (5), Bruno Santos, Pedro Oliveira, Rafael Mateus (3), Duarte Fontoura, Leonardo Rodrigues (3), Pedro Lopes (2), André Rego, Gustavo Freire (5), António Silva, Diogo Vaia.

Treinador: Tiago Gonçalves.

AD Sanjoanense: Rui Duarte, Allan Magno (6), Diogo Alves, Francisco Silva (7), Miguel Almeida, Guilherme Novo (10), Pedro Pereira (1), Afonso Tavares, Tiago Antunes (4), Orlando Correia, Duarte Rainho, Paulo Lopes, Carlos Coelho, Andersson Rocha (4), Vinícius Silva.

Treinador: Hélder Vieira.

Ao intervalo: 15-16.

Depois da derrota na jornada anterior, que afastou completamente a Sanjoanense do grupo dos seis primeiros classificados, que garante a manutenção direta, ainda não foi desta que os alvinegros regressaram às vitórias. Os homens de Hélder Vieira somaram a quarta derrota consecutiva, mas realizaram uma excelente partida e fizeram o S. Bernardo sofrer, obrigando o líder da classificação a suar para sair de S. João da Madeira com os três pontos, fruto de uma vitória pela margem mínima.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa de 14 de março ou no formato digital. Assine o labor aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Loading Facebook Comments ...