Leões de Porto Salvo, 4 – Dínamo Sanjoanense, 3

Jogo no Pavilhão Multiusos de Sines.

Árbitros: Filipe Almeida e Francisco da Costa.

Leões de Porto Salvo: André Correia, Ruan Silvestre, Bruno Pinto, Rodrigo Hiroshi e Ré.

Suplentes: Bruno Maior, Rúben Carrilho, Mamadu Turé, Gui, Rúben Gois, Wendell Santos e Tiago Tavares.

Treinador: Cláudio Moreira.

Dínamo Sanjoanense: João Neves, Diogo Tavares, Xavier Moreira, Cigano e Serginho.

Suplentes: André Oliveira, Nuno Neves, Óscar Santos, Chico Leitão, Ricardinho, Pedro Ribeiro, Ricky, Tiaguinho e Dinis Silva.

Treinador: Bruno Guimarães.

Ao intervalo: 3-2.

Carrão amarelo para Rúben Gois (17′), Gui (24′), Óscar Santos (34′).

Marcadores: Ruan Silvestre (2′), Ricky (7′), Rúben Gois (8′), Diogo Tavares (11′), Mamadu Turé (20′), Wendell Santos (25′), Serginho (30′).

O Dínamo Sanjoanense foi hoje afastado da Taça de Portugal depois de perder, em Sines, com o Leões de Porto Salvo. Os homens de S. João da Madeira ficaram pelo caminho nos quartos de final da prova, mas deixaram uma excelente imagem frente a um adversário que compete no principal campeonato nacional.

O marcador começou a funcionar pouco depois do arranque da partida, com a equipa de Oeiras a colocar-se em vantagem e a chegar ao intervalo na frente, mas com o Dínamo a chegar por duas vezes à igualdade.

Na segunda parte o ritmo manteve-se intenso, mas com o conjunto de Oeiras a dilatar a vantagem (4-2). Serginho ainda encurtou a distância com um golo que fixou o resultado final.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Loading Facebook Comments ...