AD Sanjoanense, 28 Boa-Hora FC, 33

Pavilhão Municipal das Travessas, em S. João da Madeira.

Árbitros: Dimas Carvalho e António Almeida.

AD Sanjoanense: Rui Duarte, Allan Magno (10), Francisco Silva (5), Diogo Cunha, Miguel Almeida, Bruno Costa (3), Guilherme Novo, Pedro Pereira (2), Gonçalo Fernandes, Afonso Tavares, Luís Martins, Tiago Antunes (1), Orlando Correia (1), Paulo Lopes, Andersson Rocha (3) e Adonys Garcia (3).

Treinador: Arthur Pellegrini.

Boa-Hora FC: Alexandre Oliveira, Afonso Ferreira (1), Diogo Abadia (3), Tomás Ribeira (15), Rúben Silva (1), Alexandre Moura, Martim Ferraz (1), Gonçalo Antunes, Evaldo Almeida (3), Pedro Padre (1), Manuel Sousa, Benjamin João (3), Renato Araújo (3) e Leonel Almeida (2).

Treinador: José Marques.

Resultado Intervalo: 17-14.

A Sanjoanense tinha duas finais pela frente para assegurar a manutenção na Divisão de Honra, mas não conseguiu atingir o objetivo. Na sexta-feira, em casa do FC Porto “B”, derrota por 30-27 e na última jornada, na receção ao Boa-Hora FC, nova derrota por 28-33, que condenou os alvinegros à descida à 2ª Divisão Nacional. No entanto, ainda existe uma réstia de esperança de virem a ser repescados, até porque está na calha a possível desistência do Vitória FC, que desceu da 1ª Divisão Nacional, ou até mesmo o SC Horta, este último menos provável, devido a problemas financeiros.

Obrigado pelo seu interesse no trabalho dos nossos profissionais. Poderá ter acesso à versão integral deste artigo na edição impressa de 13 de junho ou no formato digital. Assine o labor aqui.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...