Artur Nunes

É mesmo assim. O problema de atropelamentos nas passadeiras da nossa cidade é, no seu todo, objeto de grandes reparos quanto à sua localização e visibilidade e mais quando são ignoradas. Leva-me isto a chamar à atenção quem de direito, Câmara Municipal de S.João da Madeira através da crónica que, a passadeira sita na Av. Dr Renato Araújo, próxima à Farmácia da Estação, a que a foto faz referência, está a meio da paragem de autocarros. Exemplo que não serve de todo de exemplo para nenhum concelho deste país.
Lembro que depois deste reparo, de que tiveram conhecimento, em crónica neste jornal labor, em 2013 e 2015, os executivos camarárias anteriores, da responsabilidade do PSD, nada fizeram para alterar a situação que se considera grave em termos de segurança para o peão.
Como a situação se mantém, faço, por isso, questão de alertar, mais uma vez, desta feita o executivo atual (PS) que a passadeira em causa não está bem localizada, como tal não lembra nem ao diabo.
É uma verdadeira inutilidade, atropelo diga-se, em matéria do que são rudimentares princípios gerais de trânsito e segurança rodoviária automóvel e peão.
Vamos lá resolver o problema, que é grave!!!

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui