Vacina contra o rotavírus gratuita para crianças nascidas desde 1 de janeiro deste ano

A Câmara Municipal (CM) de S. João da Madeira (SJM) e as farmácias assinaram os protocolos do Programa de Vacinação Infantil, a 24 de julho, no salão nobre depois de o Regulamento Municipal de Apoio à Vacinação ter entrado em vigor aquando da sua publicação a 11 de julho em Diário da República.

Uma sessão “informal”, mas que confere “dignidade” a esta colaboração que simboliza o “início” do Programa de Vacinação Infantil, afirmou o presidente da câmara Jorge Sequeira.

O município decidiu apostar nesta “medida inovadora” e que “achamos mais adequada e correta pelo beneficio quase perpetuo para quem toma a vacina”, disse Jorge Sequeira, justificando assim esta escolha relativamente à de outros municípios para incentivo da natalidade. Destacou ainda “a componente do acompanhamento do Serviço Nacional de Saúde é importante”.

A Câmara Municipal de S. João da Madeira vai comparticipar a vacina contra o rotavírus que não está incluída no Plano Nacional de Vacinação.  A vacina contra o rotavírus – Rotarix (59,52 euros) e RotaTeq (51,18 euros) – pode ir até duas ou três doses e os custos são suportados na totalidade pelos utentes.

O Município pagará a compra de vacina contra o rotavírus a todas as crianças nascidas desde o dia 1 de janeiro deste ano dos agregados familiares residentes e recenseados e inscritos no Centro de Saúde da cidade.

Os agregados interessados em usufruir deste apoio precisam de reunir algumas condições. A residência, recenseamento e inscrição no Centro de Saúde de SJM; não usufruir de outro tipo de apoio financeiro para o mesmo fim; não possuir dívidas para com o Município; e apresentar a prescrição médica da vacina pelo médico de família do SNS. Depois de reunir todas as condições, devem apresentar o pedido através de um formulário próprio disponibilizado pelos serviços de atendimento da CM de SJM. Os cidadãos devem estar acompanhados do Cartão de Cidadão e da prescrição médica da vacina.

A CM de SJM tem uma verba prevista de 15 mil euros para o Programa Municipal de Vacinação que será divulgado “brevemente” através de uma campanha, mas sem data definitiva, adiantou a autarquia.

O presidente Jorge Sequeira agradeceu a todas as farmácias – Estação, Lamar, Praça, Laranjeira e Central –  pela adesão imediata ao programa e ao Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga pelo apoio na divulgação do programa, informando que até ao momento “várias pessoas se dirigiram à câmara municipal para pedir informações”.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...