Procurando promover a ética no desporto junto do público das competições das camadas jovens, em articulação com diferentes dimensões, setores e agentes educativos e em concordância com o Plano Nacional para a Ética no Desporto (PNED), a Câmara Municipal de S. João da Madeira apresentou o programa inovador “Respeite o seu Filho”. A iniciativa foi apresentada no dia 13 de setembro, na Torre da Oliva, no âmbito da Semana da Ética no Desporto, promovida pela autarquia sanjoanense e que terminou na passada segunda-feira, e contou com a presença de Aurora Cunha, embaixadora do (PNED).

“Trata-se de um novo projeto focado num tema que nos diz muito”, começou por referir Jorge Sequeira, presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira, sublinhando que “a ética no desporto tem várias nuances”. Dada a impossibilidade de abranger todas as particularidades do tema, a aposta passou por “focar um ponto” e recaiu na tentativa de “mudar o comportamento do publico para que seja mais adequado”.

Através de ações de formação, campanhas ou mesmo atividades que visem a promoção da ética no desporto, a organização pretende que o programa chegue a todas as pessoas que assistem aos jogos sendo, no entanto, dirigido em particular aos pais dos jovens atletas. Nesse sentido, a autarquia já tem prevista a entrega de uma pequena caixa com pastilhas e mensagens que promovem o tema. “Pretendemos que, desta forma, as pessoas estejam mais focadas na pastilha do que nos palavrões”, refere Jorge Sequeira, sublinhando que pretende que esta campanha inovadora seja também desenvolvida pelas diversas coletividades desportivas do concelho. “Também queremos trabalhar em conjunto com os treinadores e clubes da cidade para passar a mensagem aos atletas”, acrescentou o autarca, que agradeceu a presença embaixadora do Plano Nacional para a Ética no Desporto, Aurora Cunha. “É uma pessoa prestigiada, que representou a nossa pátria em momentos muito importantes para o desporto nacional e ao associar-se a este programa dá-lhe a chancela de qualidade”, referiu Jorge Sequeira.

Para a ex-atleta olímpica e campeã do mundo de estrada “a ética no desporto é fundamental”. “A nossa sociedade está a perder os valores e respeito, e quando se perde isso perde-se tudo. É importante transmitir isso às crianças e fazê-las acreditar”, salientou Aurora Cunha, que admite que “há ainda um trabalho muito profundo a fazer”, no que diz respeito à ética desportiva.

Foi ainda inaugurada a exposição “Move-te por Valores, inserida no âmbito da Semana da Ética no Desporto, iniciativa que contou também com a realização de uma conferência para treinadores de clubes, que teve como oradora Isabel Baltazar, do PNED, e com diversas ações de sensibilização nas diversas instalações desportivas municipais. O programa terminou com uma nova conferência destinada a dirigentes e encarregados de educação, onde o orador convidado foi Luís Fraldilha, do Instituto Português do Desporto e da Juventude de Aveiro.

Créditos: Fernando Aguiar
Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui