“Força Lusitana” selecionado para o Sport Film Festival

0
41
DR

Documentário retrata a história de Fábio Silva, “o homem + forte de Portugal”

Entre milhares de filmes de mais de 100 países, “Força Lusitana: a história de Fábio Silva” foi selecionado para o 39.º Sport Film Festival, o mais
antigo festival de cinema de desporto.

O documentário da autoria de Sérgio Martins, que tem “o homem + forte de Portugal” como protagonista, reuniu as condições de seleção para a categoria de “longas metragens” deste festival que tem realizado em Palermo (Itália) e premeia com o Paladino D’ Oro os trabalhos de maior destaque na área de desporto por todo o mundo. Mas não passou à fase seguinte, de nomeação.

“Não nomeações à parte”, Sérgio Martins disse, no entanto, ao labor que “a alegria de ser selecionado é enorme” por se tratar de “um reconhecimento do meu trabalho”. “Estou bastante orgulhoso de fazer parte da lista de filmes que a organização italiana considerou”, acrescentou o jovem realizador, que vê, assim, pela primeira vez um dos seus trabalhos a ser escolhido no âmbito de um festival, ainda mais internacional.

O também formador e videógrafo recordou ao nosso jornal que já tinha tentado concorrer a outros festivais com o seu outro documentário, “Tardo”, “mas sem sucesso”.

A propósito, o labor interpelou ainda Fábio Silva, atleta de strongman sanjoanense à volta do qual gira toda a história de “Força Lusitana”. O agora bicampeão de strongman absoluto, depois de revalidar o título no mês passado, ficou “muito contente” quando soube que o documentário tinha sido selecionado, porque “é mais uma forma de divulgar a modalidade e a cidade de S. João da Madeira” e também “de incentivar o Sérgio a fazer mais documentários”.

Documentário foi apresentado em Oliveira de Azeméis no início do ano

Recorde-se, conforme o labor noticiou oportunamente, que com “Força Lusitana” o realizador quis dar a conhecer Fábio Silva e a modalidade que este pratica de “corpo e alma”. Isto, mesmo vivendo numa cidade e num país “onde o futebol é desporto e o resto é paisagem”.

De outubro de 2016 a outubro de 2017, período de preparação para a participação de Fábio Silva na PowerExpo Sports and Fitness Weekend Portugal (Maia) onde alcançou o título absoluto, foram “mais de 40 horas” de filmagens. E destas resultaram “umahora e 59 minutos, sensivelmente”, de documentário, composto por duas partes e que inclui testemunhos do “ator principal”, mas também da família, namorada, amigos, patrocinadores e Nuno Araújo, este último considerado o “pai do strongman” em Portugal.

O resultado de um ano de trabalho, em que Sérgio Martins e Fábio Silva foram como que a “sombra” um do outro, foi apresentado em janeiro último no espaço O Cinema, em Oliveira de Azeméis, numa noite de casa praticamente cheia e de ambiente descontraído e bem-humorado.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui