ADRAV vence e está na próxima eliminatória

Taça Fundação INATEL - 2ª Eliminatória

0
56
Créditos: Nuno Santos Ferreira

ADRAV, 0 (7) – ADRAC Rego, 0 (6)

ADRAV: Tiago Tavares, Xavier, Cadete, Moisés, Tiago Santos, Joca (Mohamed, 70’); Marcelo Sales, Pedro Nuno, Bruno Estrela (Caio, 65’), Xará (Barraca, 60’).

Suplentes: Hugo Tavares, Brunito, Jorge Talhas, Carlos Rocha. Mohamed, Caio, Barraca.

Treinador: Álvaro Oliveira.

Na segunda eliminatória da Taça Fundação INATEL a ADRAV tinha pela frente a equipa da ADRAC Rego, um adversário com algum historial nesta prova. E num jogo em que teria de ser encontrado um vencedor, a equipa de S. João da Madeira realizou uma das melhores primeiras partes da época. Praticamente de sentido único, com os locais a vencerem o duelo a meio campo e a jogar a bola a toda a largura do terreno, só faltou mesmo acertar na finalização. Já a equipa adversária limitou-se praticamente a defender pelo que ao intervalo o nulo persistia no marcador e deixava a eliminatória em aberto.

Na segunda parte esperava-se novamente uma ADRAV forte, mas não foi isso que aconteceu e foram os visitantes que tiveram uma oportunidade de ouro para inaugurar o marcador quando o avançado surgiu cara a cara com Tiago Tavares, mas o guardião local respondeu da melhor forma e negou um golo aos forasteiros que parecia certo.

Face ao desenrolar dos acontecimentos e sem alterações no marcador, ainda que a três minutos do fim a ADRAV tenha visto a equipa de arbitragem anular um golo num lance discutível, as decisões foram tomadas através das grandes penalidades.

Com a marcação dos pontapés o guardião Tiago Tavares foi-se mostrando cada vez mais concentrado e ao sétimo penalti agarrou a bola com as mãos e passou a decisão da eliminatória para os pés do colega Tiago Santos, que não vacilou e deu a vitória à ADRAV.

A terceira eliminatória realiza-se a 26 de janeiro com a ADRAV a defrontar, em Arrifana, a equipa de Os Arrifanenses.

Tiago Tavares foi o homem do jogo

Créditos: Direitos Reservados

Apesar de não ter tido muito trabalho ao longo do jogo, Tiago Tavares foi decisivo para a vitória da ADRAV. Aos 70 minutos o guardião negou o golo aos forasteiros com uma grande defesa e já na lotaria das grandes penalidades travou o último remate, que deu a oportunidade a Tiago Santos para carimbar o passaporte para a 3.ª eliminatória.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui