Depois do sucesso do almoço de Natal de 2017 do futebol de formação da Associação Desportiva Sanjoanense, que juntou cerca de 350 pessoas, desde atletas e pais, passando por dirigentes e treinadores, este ano a iniciativa, que vai na segunda edição, foi mais um êxito e ultrapassou, de forma expressiva, os números anteriores confirmando a dimensão e o sentimento de união que existe em torno desta secção do clube alvinegro. “Tratou-se de mais um êxito, pois as inscrições encerraram em dez dias e os 500 lugares disponíveis foram todos preenchidos”, sublinha Élio Almeida, coordenador do futebol de formação da Associação Desportiva Sanjoanense, esclarecendo que poderá ser necessário repensar as próximas edições face o interesse demonstrado. “Dada a adesão, fica a sensação de que no futuro a formação do clube terá que encontrar uma solução para garantir um espaço maior para poder albergar todos os interessados”, frisou o responsável, destacando a “forte adesão e interesse que existe à volta do futebol de formação da Sanjoanense”. “Sentimos que, depois de uns anos negros, a força do futebol de formação está de volta”, salienta Élio Almeida, que destaca a homenagem feita por Manuel Oliveira, responsável pelo futebol de formação, na sua intervenção, a Agostinho Gomes, pela dedicação ao clube alvinegro. “É um grande sanjoanense que fez 25 anos ao serviço do clube e coube ao futebol de formação presta-lhe mais uma justa homenagem pelo trabalho desenvolvido em nome da Associação Desportiva Sanjoanense”, explicou o coordenador.

Num evento que reuniu cinco dezenas de pessoas, é a “capacidade do clube em mobilizar atletas, familiares e simpatizantes”, que deixa a organização satisfeita com o resultado de uma iniciativa que arrancou no ano passado, já com o departamento de futebol de formação da Associação Desportiva Sanjoanense sob a alçada de Manuel Oliveira. “Foram 500, mas poderiam ter sido mais. Não é pelo número que estamos satisfeitos, mas pela alegria e paixão demonstradas por todos os que estavam presentes a representar a Sanjoanense. O amor pelo clube pode não nascer com alguns, mas para os que têm a oportunidade de vestir a nossa camisola é algo que cresce, amadurece e nunca mais acaba”, sublinharam os responsáveis pelo futebol de formação, numa mensagem publicada nas redes sociais.

“Foi uma festa que demonstrou a força do futebol de formação”, realça Élio Almeida, deixando o agradecimento “aos atletas e familiares, ao comissário da PSP, Hélder Andrade, e à Câmara Municipal pelo apoio ao clube, bem como a todos simpatizantes que, semana após semana, apoiam os jovens”.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui