Já só restava um pilarete

DF

Foram nem há um mês colocados na Rua Colégio Castilho e na passada sexta-feira já só restava um para a fotografia. Trata-se dos pilaretes que ali foram postos pela autarquia para evitar o estacionamento indevido no passeio, mas que não só não têm surtido o efeito desejado, como também não têm resistido ao choque com alguns veículos.

Passadas duas edições desde que foram falados nesta rubrica, voltamos, pois, a sugerir a quem de direito que reavalie a distância entre estes pilaretes e a via de trânsito.

Note-se que precisamente no dia 21 de dezembro a câmara procedeu à reposição dos pilaretes. Vamos lá ver quanto tempo permanecerão intactos.

 

Rotunda votada ao abandono

 A chamada de atenção vem de Graça Brandão. Esta residente em S. João da Madeira “aponta o dedo” ao estado em que, atualmente, se encontra a rotunda do cruzamento da Rua Alão de Morais com a Rua Conde Dias Garcia, mais conhecida como a “rotunda dos Bombeiros”.

Está “suja, sem água e sem luz”, enquanto as outras rotundas da cidade se apresentam de “cara lavada, com água e luz”, havendo “sempre alguém a limpá-las”. “Será que esta não merece o mesmo tratamento?”, pergunta Graça Brandão.

Graça Brandão
Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui