AD Sanjoanense, 1 – AA Coimbra, 3

Jogo no Pavilhão da Associação Desportiva Sanjoanense.

Árbitro: Marco Gomes (Aveiro).

AD Sanjoanense: Daniela Pereira (gr), Bárbara Marques (cap), Dora Martins, Daniela Silva e Joana Rodrigues.

Suplentes: Carina Barbosa, Sofia Pinho, Sara Fernandes, Inês Carvalho e Beatriz Ribeiro (gr).

Treinador: Óscar Gonçalves.

AA Coimbra: Alexandra Figueiredo (gr), Inês Arrais, Salomé Simões, Margarida Florêncio e Carolina Gonçalves.

Suplentes: Raquel Moreira, Ana Sofia Silva, Sara Moreira (cap) e Ana Figueiredo (gr).

Treinador: Luís Simões.

Ao intervalo: 1-1.

Marcha do Marcador: 1-0 por Bárbara Marques (6’), 1-1 por Carolina Gonçalves (10’), 1-2 por Margarida Florêncio (33’), 1-3 por Margarida Florêncio (39’).

Com a derrota na receção à equipa de Coimbra, a Sanjoanense viu adiada para a última jornada a possibilidade se passar à fase final, onde irão competir as quatro melhores equipas de cada zona (Norte e Sul), para apurar a campeã nacional.

Frente ao líder, não se esperava um jogo fácil para as alvinegras, mas as jogadoras de Óscar Gonçalves conseguiram uma primeira parte equilibrada, cabendo mesmo às locais o golo inaugural da partida, com Bárbara Marques a abrir o ativo aos seis minutos.

A reação da formação que viajou da cidade dos estudantes surgiu quatro minutos depois, com Carolina Gonçalves a restabelecer a igualdade (1-1), resultado que se manteria até ao intervalo e que demonstrava bem o equilíbrio do jogo.

Com a Académica isolada na liderança, o resultado era mais importante para a Sanjoanense, que em caso de vitória garantia, automaticamente, o apuramento para a fase final. E no regresso dos balneários as alvinegras entraram ao ataque e Inês Carvalho teve uma oportunidade soberana para colocar as locais novamente na frente no marcador, mas a atleta não conseguiu bater a guardiã academista através de uma grande penalidade.

Não marcou a Sanjoanense marcaram as visitantes, com Margarida Florêncio a marcar por duas vezes, no espaço de seis minutos, fechando a contagem.

Daniela Silva ainda desperdiçou mais uma grande penalidade para as “guerreiras de negro”, que poderia ter relançado a partida.

No final a diferença no resultado esteve na eficácia, com a equipa de Coimbra a ser mais feliz, perante uma Sanjoanense que se mostrou algo perdulária, não conseguindo marcar de bola parada e que poderia ditar, pelo menos, o empate.

No próximo sábado, no último jogo da Zona Norte, as alvinegras têm mais um jogo difícil na deslocação ao recinto dos Carvalhos, atual segundo classificado. Em caso de derrota, o apuramento da Sanjoanense para a fase final ficará dependente do desfecho do encontro entre CA Feira e Infante Sagres.

António Anacleto

Resultados da formação

Sub20

AD Sanjoanense, 4 – ACD Gulpilhares, 2

Agenda

Seniores masculinos

AD Sanjoanense-Valença HC

Dia 16, às 17h30, Pavilhão ADS

Seniores femininos

CH Carvalhos-AD Sanjoanense

Dia 16, às 18h00, Carvalhos

Sub20

AA Espinho-AD Sanjoanense

Dia 16, às 15h00, Espinho

Sub20

AD Sanjoanense-OD Oliveirense

Dia 17, às 18h00, Pavilhão ADS

Sub11

AF Arazede-AD Sanjoanense

Dia 17, às 16h00, Arazede

Sub09

HC Viseu-AD Sanjoanense B

Dia 17, às 15h00, Viseu

Sub09

CA Feira-AD Sanjoanense

Dia 17, às 10h00,  Feira

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui