AD Sanjoanense, 93 – Academia do Lumiar, 70

Pavilhão Paulo Pinto, em S. João da Madeira.

AD Sanjoanense: Jerry Karczewski, Hélder Gomes, Sílvio Rodrigues (17), Eduardo Guimarães (30), Simão Pinheiro (5), André Dara (8), Miguel Reis (2), Carlos Resende (17), José Teixeira (2) e Sergi Coll (12).

Treinador: Sérgio Salvador.

Academia do Lumiar: Rodrigo Martins, Ademir Mendes (6), Hélio Manuel, Carlos Tavares (6), Bá Cassamá, Denis Neves (21), Rafael Martins, David Jorge, Ryan Ogden (22) e Benedito Suca (15).

Parciais: 22-11; 22-26; 26-12; 23-21.

Ao intervalo: 44-37.

A Sanjoanense recebeu, no passado sábado, a formação lisboeta do Academia do Lumiar, equipa recheada de excelentes jogadores que se encontra a passar por um excelente momento de forma e em segundo lugar da classificação, com legítimas esperanças de subir à maior divisão do basquetebol nacional.

No jogo, que começou com cerca de 15 minutos de atraso devido à chegada tardia dos visitantes, a formação de S. João da Madeira entrou a mandar e fez um excelente primeiro período. Fortes e agressivos na defesa, a dominar as tabelas, apesar do maior poderio físico do adversário, e a selecionar bem os lançamentos, os alvinegros chegaram ao fim dos primeiros 10 minutos com uma vantagem de 11 pontos. Como era de esperar a reacção dos homens de Lisboa não se fez esperar e no segundo período aumentaram a intensidade de jogo e equilibraram o marcador, empurrando as decisões para a segunda parte.

No entanto, a Sanjoanense regressou do balneário decidida a vencer a partida e fez um excelente terceiro período. O base angolano do Academia, Ademir Mendes, fez a sua quarta falta e a sua ausência em muitos momentos da segunda parte retirou qualidade ao jogo dos visitantes. os alvinegros confirmaram o bom momento de forma e venceram por uma margem considerável um jogo que se esperava extremamente difícil.

No final do encontro o norte-americano do Academia, Ryan Ogden, MVP da partida, considerou que “a equipa chegou tarde e não estava preparada para o jogo”. “O adversário aproveitou. Os seus lançamentos estavam a entrar e ganhou com justiça”, explicou. Já o experiente base da Sanjoanense, André Dara, sublinhou que “nestes últimos jogos a equipa tem vindo a melhorar muito, quer ofensiva como defensivamente”. “Cumprimos o plano de jogo”, sublinhou o atleta. Por sua vez, Sérgio Salvador, treinador da equipa alvinegra destacou o empenho dos jogadores: “Foram de uma grande entrega a nível defensivo e esse foi o caminho para a vitória”.

Na próxima jornada, agendada para 9 de março, a Sanjoanense volta a jogar no Pavilhão Paulo Pinto para receber, pelas 16h30, a equipa do Sampaense.

Agenda

Sub19 femininos

ADS/RentPiano-Mais Basket

Dia 8, às 21h45, Pavilhão Paulo Pinto

Sub14 femininos

ADS/Farmácia Lamar-Beira Mar

Dia 9, às 14h30, Pavilhão Paulo Pinto

Seniores masculinos

Sanjoanense-Sampaense Basket

Dia 9, às 16h30, Pavilhão Paulo Pinto

Sub18 masculinos

FC Gaia-Sanjoanense

Dia 9, às 18h30, FC Gaia

Seniores femininos

Sanjoanense-ASSSCC

Dia 9, às 21h00, Pavilhão Paulo Pinto

Sub13 femininos

Galitos-ADS/Miama

Dia 10, às 11h15, Pavilhão Galitos

Sub14 masculinos

Galitos-ADS/Alpim XXI

Dia 10, às 14h30, Pavilhão Galitos

Sub13 masculinos

ADS/Bo-bell-Gica

Dia 10, às 14h30, Pavilhão Paulo Pinto

Sub16 masculinos

Esgueira B-Sanjoanense B

Dia 10, às 16h30, Pavilhão Esgueira

Veteranos

Sanjoanense-Beira Mar

Dia 10, ás 16h30, Pavilhão Paulo Pinto

Sub16 femininos

Vitória Guimarães-Sanjoanense

Dia 10, às 17h00, Pavilhão Uni. Vimaranense

Sub16 masculinos

ADS/Fepsa-GDB Leça

Dia 10, às 18h30, Pavilhão Paulo Pinto

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui