ADRAV, 5 – Talhadas, 2

ADRAV: Hugo Tavares, Moisés, Miguel, Cadete, Brunito, Hector (cap.), Joca (Caio, 65’), Caio (João Padeiro, 75’), Hugo Barraca, Godinho, Brito.

Suplentes: Tiago Tavares, Caio, João Padeiro.

Marcadores: Hugo barraca (2), Hector, Godinho, João Padeiro.

ADRAV e Talhadas protagonizaram, no passado sábado, uma agradável partida de futebol. Com ambas as equipas arredadas da luta pelo primeiro lugar do Grupo A, posição que garante a presença na final distrital, as duas formações entraram no jogo descontraídas e sem pressão puderam desfrutar do encontro, fazendo lembrar a filosofia da prova, onde imperava o bom ambiente, muita amizade e muito respeito por todos os intervenientes.

E para isso basta olhar para o resultado com sete golos apontados nesta partida, pese embora o facto de as equipas terem recolhido para o intervalo com a ADRAV a vencer pela margem mínima (1-0).

No regresso para a segunda parte as duas equipas afinaram a pontaria, mas foi a formação local que mais oportunidades criou para chegar ao golo e, por isso, não foi de estranhar que tivesse estado a vencer por 3-0. No entanto, o Talhadas acabaria por beneficiar de uma grande penalidade muito bem convertida com Hugo Tavares a não ter qualquer hipótese de defesa.

A ADRAV não sentiu o golo e intensificou a pressão, conseguindo dilatar o marcador para 5-1, com João Padeiro, atual treinador de guarda-redes, a apontar o quinto dos locais, lance que trouxe muita alegria tanto dentro com o fora das quatro linhas.

Já muito perto do final da partida, o Talhadas reduziu ao apontar o segundo, fixando a contagem final.

Na próxima jornada a ADRAV desloca-se a Nadais para defrontar, pelas 15h00, a equipa local.

Joca foi o homem do jogo

Créditos: Direitos Reservados

Joca jogou, mas, sobretudo, fez jogar. Com uma capacidade técnica acima da média, o homem da ADRAV criou bastantes desequilíbrios no centro do terreno, permitindo que a sua equipa criasse muitos lances de contra-ataque que terminaram em cinco golos.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui