AD Sanjoanense, 3 – Valença HC, 1

Jogo no Pavilhão dos Desportos da AD Sanjoanense.

Árbitros: Manuel Fernandes e José Manuel Pereira (AP Porto).

AD Sanjoanense: Marco Lopes, Alexander Mount, Pedro Cerqueira, Xavier Cardoso, José Almeida.

Suplentes: Tiago Rodrigues, Tiago Almeida, João Cruz, Pedro Rego, Alexandre Barreira.

Treinador: Vítor Pereira.

Valença HC: Keven Correa, Javier Añon, José Campos, Tiago Pereira, Diogo Sá.

Suplentes: Eduardo Leitão, Vítor Jesus, Miguel Fernandes, Jorge Faria, Hélder Martins.

Treinador: João Araújo.

Ao intervalo: 1-0.

Ação disciplinar: Cartão azul para Diogo Sá (47’).

Marcha do marcador: 1-0 por Tiago Almeida (18’), 2-0 por Pedro Cerqueira (43’ gp), 3-0 por José Almeida (43’), 3-1 por Diogo Sá (46’).

Faltas: AD Sanjoanense, 10 | Valença HC, 8.

A Sanjoanense garantiu a passagem aos quartos-de-final da Taça de Portugal ao vencer, em casa, a formação do Valença HC por 3-1.

Frente a um adversário que os alvinegros já haviam vencido semanas antes, num encontro a contar para a 16.ª jornada do campeonato, a equipa de Vítor Pereira foi a melhor dentro das quatro linhas e desde cedo procurou impor o seu jogo. Xavier Cardoso, que ao longo da partida foi obrigado a sair por duas vezes para receber assistência, deu o primeiro sinal de aviso perto dos 10 minutos com uma forte sticada que levou a bola ao ferro da baliza de Keven Correa. Já pouco depois o guardião francês nada pode fazer perante Tiago Almeida, que aproveitou da melhor forma um ataque dos alvinegros e colocou a Sanjoanense em vantagem, resultado que não voltaria a sofrer mais alterações até ao intervalo.

Na segunda parte o jogo pertenceu aos locais, que entraram a pressionar. E se logo no arranque José Almeida seguiu o exemplo de Xavier Cardoso e também enviou uma bola ao ferro, pouco depois Alex Mout viu Keven Correa evitar o que parecia golo certo.

A Sanjoanense era a equipa mais perigosa e procurava aumentar a escassa vantagem e foi Pedro Cerqueira, que saltou do banco para cobrar uma grande penalidade sobre Xavier Cardoso, que, já nos últimos 10 minutos da partida voltou a colocar o marcador em funcionamento.

Com o pavilhão ao rubro o golo serviu de tónico para os alvinegros e 15 segundos depois José Almeida finalizava da melhor forma uma bela jogada dividida com João Cruz e Tiago Almeida.

Logo depois a Sanjoanense poderia ter ampliado a contagem, quando num ataque dos visitantes uma rápida recuperação dos homens de Vítor Pereira permite que José Almeida sirva Xavier Cardoso, que se encontrava em posição isolada, mas o guardião do Valença negou o quarto dos locais.

A poucos minutos do final Diogo Sá fechou a contagem ao converter um livre direto assinalado na sequência da décima falta dos alvinegros.

Com este triunfo a Sanjoanense assegurou a passagem aos quartos-de-final da Taça de Portugal onde irá defrontar o vencedor da partida de ontem à noite entre “Os Tigres” e a Oliveirense.

Entretanto o campeonato regressa no próximo sábado com os alvinegros a receberem, às 17h30, “Os Limianos”.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui