Com a obra “A Transfiguração da Fome”

Sara F. Costa acaba de ver a sua obra uma vez mais reconhecida. Desta vez, internacionalmente. No próximo dia 25 de maio, a mãe desta escritora com fortes ligações a S. João da Madeira recebe em seu nome, na Capela de S. Gonçalo, em Válega (Ovar), o Prémio Literário Glória de Sant’ Anna – organizado pelo Grupo de Ação Cultural de Válega em colaboração com a família de Glória Sant’ Anna e várias entidades patrocinadoras e que se destina a galardoar o autor do melhor livro de poesia em Língua Portuguesa editado no ano corrente.

Recorde-se que já em 2017 a jovem natural da vizinha Vila de Cucujães tinha integrado a lista final deste prémio internacional, no valor de três mil euros, instituído em memória da poetisa Glória de Sant’ Anna com “O Movimento Impróprio do Mundo” (Editora Ancora). Mas foi este ano que viu um outro seu livro – “A Transfiguração da Fome”, editado pela Labirinto – a ser premiado.

“Há muita poesia na multiculturalidade”

Em declarações exclusivas ao labor, Sara F. Costa, neste momento a residir em Pequim (razão pela qual não vai poder estar presente na cerimónia da entrega do prémio), afirmou ser “um grande orgulho” “receber este prémio literário internacional que celebra a língua portuguesa e a poesia”. “Quando vi a lista de autores finalistas para esta edição de 2019, nunca pensei que o prémio me fosse atribuído”, confessou, completando: “A maior parte dos autores que chegaram à lista final são autores que admiro há muito tempo e é para mim um enorme prazer poder divulgar a minha poesia, também, junto deles”.

Em seu entender, “o Prémio Glória de Sant’Anna é um prémio de grande prestígio que tem o nome de uma grande autora que foi extremamente prolífera e que teve a experiência de viver em dois continentes diferentes, experiência pela qual eu estou também a atravessar”. “Há muita poesia na multiculturalidade”, sublinhou, fazendo questão de agradecer, através do nosso jornal, “esta atribuição aos júris e organizadores do prémio”.

Autora fará parte de antologias de poetas portugueses publicadas na Roménia e em Macau

A propósito de projetos, a autora cucujanense avançou ao labor que tem escrito diariamente e que o tem feito em Inglês, “o que é novo para mim”. “Estou a preparar um trabalho de tradução de poesia chinesa contemporânea para Português e, eventualmente, uma publicação da minha poesia em Inglês”, contou ao nosso semanário, lembrando que a sua poesia tem sido traduzida em várias línguas.

Por exemplo, Sara F. Costa tem diversos poemas que já foram traduzidos para Espanhol e publicados tanto em publicações em Espanha como no México. “Até já encontrei poemas meus traduzidos em Húngaro”, contou ao labor, dando nota que “em breve” vai fazer parte de uma antologia de poetas portugueses a ser publicada na Roménia e de outra a ser publicada em Macau, ambas organizadas pelo poeta António M R Martins.

Em Pequim, tem publicado poesia em Inglês na revista literária “A Shanghai Poetry Zine” e “fui recentemente publicada na ‘Cha: An Asian Literary Journal’”.

Sara F. Costa é mestre em Estudos Interculturais: Português/Chinês pela Universidade do Minho em parceria com a Universidade de Línguas Estrangeiras de Tianjin, China.  Publicou até à data cinco livros de poesia, sendo que a sua obra tem sido galardoada em diversos prémios literários nacionais.

Foi autora convidada doFestival Internacional de Poesia e Literatura de Istambul 2017 e em 2018 fez parte da organização do Festival Literário de Macau e do Festival Internacional de Literatura entre a China e a União Europeia em Shanghai e Suzhou, China. Tem poemas traduzidos e publicados em mais de sete línguas em várias publicações literárias por todo o mundo. Coordena eventos literários no coletivo artístico internacional sediado em Pequim, Spittoon, e fundou o primeiro workshop de poesia da cidade.

Livros já publicados

– “A Melancolia das Mãos e Outros Rasgos” (Pé de Página Editores, 2003);

– “Uma Devastação Inteligente” (Atelier Editorial, 2008);

– “O Sono Extenso” (Âncora Editora, 2012);

– “O Movimento Impróprio do Mundo” (Âncora Editora, 2016)

– “A Transfiguração da Fome” (Editora Labirinto, 2018)

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui