Torre da Oliva recebeu Nacionais de Xadrez

Competição trouxe centenas de atletas à cidade ao longo de dois dias

0
28
Créditos: Direitos Reservados

A Sala Multiusos da Torre da Oliva foi palco dos Campeonatos Nacionais de Xadrez de partidas rápidas (individual) e semirrápidas (individual e por equipas), que reuniu, ao longo do último fim de semana, mais de 120 participantes em cada uma das competições.

Com o apoio da Câmara Municipal de S. João da Madeira, esta foi uma competição que, pela primeira vez, contou com a presença de quatro grandes mestres de xadrez, o topo mundial da modalidade.

Na vertente de partidas semirrápidas, depois de oito sessões muito competitivas, o Grande Mestre Jorge Ferreira (GD Dias Ferreira) conquistou, pela segunda vez no seu palmarés, o título de campeão nacional, depois de ter obtido 7,5 pontos, cedendo apenas um empate ao longo da competição. No segundo posto, a apenas meio ponto de distância, ficou o Grande Mestre António Fernandes (AX Portugal), seguido pelo Mestre Internacional Rui Dâmaso (AX Montemor-o-Novo), com 6,5 pontos, que ocupou a terceira posição. Grande destaque para o brilhante quinto lugar do atleta do Clube Académico Téssera, Ricardo Dias, ainda do escalão sub-20 anos, a melhor classificação de sempre de um clube da cidade de S. João da Madeira nos nacionais de semirrápidas.

Já no Nacional por Equipas de Rápidas, a Academia de Xadrez de Portugal confirmou o seu favoritismo inicial e garantiu a vitória com 20 pontos em 21 possíveis, enquanto o segundo posto ficou com o Grupo de Xadrez Alekhine, com 19 pontos. A Escola de Xadrez do Porto, com 18 pontos, fechou o pódio.

A equipa principal do Clube Académico Téssera obteve a 11.ª posição, alinhando com Ricardo Dias, Stephane Silva, Cláudio Sá e a estreia do sub-12 anos Gustavo Ribeiro. A equipa secundária, com Rodrigo Ribeiro, David Luz, Cebaldo Smith, Francisco Ribeiro, Mário Valgueira e Margarida Ribeiro, garantiu o 17.º lugar.

No Nacional de Partidas Rápidas, André Sousa (AX Gaia) é o novo campeão, terminando a competição com 10 pontos. No segundo lugar ficou o Grande Mestre Jorge Ferreira (GD Dias Ferreira), com 9,5 pontos, enquanto o Grande Mestre Luís Galego (Assembleia Figueirense) foi terceiro. A melhor classificação do Clube Académico Téssera foi o 29.º lugar de Gustavo Ribeiro, que se bateu até ao final com os melhores atletas nacionais, apesar dos seus doze anos.

Créditos: Direitos Reservados

Na entrega de prémios, a Vereadora do Desporto, Rosário Gestosa, salientou a importância destes eventos de cariz nacional para a “promoção e divulgação da cidade e de algumas das suas raízes, como os lápis de desenho da nossa juventude, os chapéus e a indústria do calçado”, realçando ainda a presença nos campeonatos de muitos jovens que representam, com entusiasmo e alegria, o clube da cidade nesta modalidade. Rosário Gestosa referiu ainda que em 2020 a colaboração com a Federação Portuguesa de Xadrez poderá traduzir-se na realização destes campeonatos nos sete escalões jovens (sub-08 a sub-20 anos), masculinos e femininos, atraindo a S. João da Madeira mais de 200 participantes durante um fim de semana.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui