Contra a vontade da coligação PSD/CDS-PP 

 

Estão quase aí mais umas Marchas Populares de S. João organizadas pelo Município de S. João da Madeira, através da sua Divisão de Educação (DE), no âmbito do Projeto Educativo Municipal. O desfile deste ano está marcado para o próximo dia 19 de junho, estando o seu início previsto para as 20h45.

Entre alunos de vários estabelecimentos de ensino e utentes de instituições vocacionadas para a terceira idade da cidade, estão inscritos 2319 marchantes. Esta última terça-feira, o executivo municipal aprovou por maioria um apoio de sete euros por participante, totalizando um subsídio camarário de 16.233 euros.

A coligação PSD/CDS-PP votou contra a proposta apresentada pela maioria socialista por entender que “agora” que a câmara goza de “boas condições financeiras pode fazer a atualização [do dito apoio], pelo menos, ao valor da inflação”. Já Jorge Sequeira e seus pares não são da mesma opinião e disseram-no na ocasião.

O autarca assegurou que “a matéria [em causa] foi discutida com a DE em articulação com as escolas”, não tendo sido “percecionada [na altura] a necessidade de fazer a atualização”. Ainda a propósito, afirmou que esta é, na sua ótica, “a melhor forma de gerir a despesa pública”.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui