Nos distritos de Aveiro e Porto, nomeadamente nos concelhos de Estarreja, Gaia, Santa Maria da Feira e de S. João da Madeira

O Comando Territorial de Aveiro, através do Núcleo de Investigação Criminal de Santa Maria da Feira, deteve 18 pessoas, 16 homens e duas mulheres, com idades compreendidas entre os 22 e os 47 anos, pelo crime de tráfico de estupefacientes nos distritos de Aveiro e Porto, nomeadamente nos concelhos de Estarreja, Gaia, Santa Maria da Feira e de S. João da Madeira.

Para esta operação foram empenhados 225 militares da GNR dos Comandos Territoriais de Aveiro, Braga, Coimbra, Porto, Viana do Castelo, Viseu e da Unidade de Intervenção, contando ainda com o apoio da Polícia de Segurança Pública.

No âmbito de uma investigação que “durou cerca de dois anos, foi possível apurar que os suspeitos faziam parte de uma rede criminosa organizada que se dedicava ao tráfico de droga, utilizando estabelecimentos comerciais para armazenamento e venda do produto estupefaciente”, informou o Comando Territorial de Aveiro (CTA) da GNR em comunicado enviado ao labor.

Nesta operação foram “cumpridos 70 mandados, dos quais 13 mandados de detenção, 36 em residências, 14 em veículos e sete em estabelecimentos comerciais”, informou o CTA da GNR, especificando que “12 homens e uma mulher foram detidos na sequência de mandados de detenção” e “os outros quatros homens e uma mulher foram detidos em flagrante delito durante as buscas”.

Durante esta operação os militares apreenderam “quantidades assinaláveis de produto estupefaciente” e “diverso material relacionado com a atividade criminosa”, revelou esta força de segurança.

A saber “cerca de 90 quilos de haxixe (182 mil doses);123 doses de liamba; 39 doses de cocaína;anfetaminas;MDMA;54 telemóveis;29.285 euros em numerários;12 viaturas ligeiras;dois motociclos;oito balanças;quatro armas de fogo de diverso calibre (calibre.12 e 6,35mm);três soqueiras;e dois bastões”, segundo o comunicado enviado pelo CTA da GNR ao labor.

Os detidos, quatro deles com antecedentes criminais por furto, roubo e tráfico de estupefacientes, estiveram nas instalações da guarda e foram presentes na sexta-feira passada, dia 7 de junho, aos tribunais de Santa Maria da Feira e de Estarreja.

Após os detidos terem sido presentes a tribunal, o CTA da GNR deu a conhecer as medidas de coação aplicadas. Dos 18 detidos, seis ficaram em prisão preventiva, um com apresentações diárias no posto policial da sua área de residência, dois com apresentações bissemanais no posto policial da sua área de residência, um com apresentações semanais no posto policial da sua área de residência e oito com termo de identidade e residência.

 

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui