Chapéus com Memória

0
59
GN

“Ponto de Interpretação da Paisagem de SJM”, de José Miguel Cardoso

 

Qual é a história do seu “chapéu”? Que mensagem quer passar?

Parte dos desenhos já existentes do Mapa Ilustrado de S. João da Madeira, com o propósito de tornar o chapéu num objeto/centro de interpretação da paisagem de S. João da Madeira, podendo ser rodado conforme se roda um globo em função da rosa dos ventos.

Quanto tempo demorou o processo de construção?

Três dias.

 Que materiais usou?

Marcadores Posca.

 Que acha desta iniciativa? E do Festival do Chapéu?

É uma boa forma de recorrer ao tecido artístico local, criando instalações inesperadas pela cidade, que estimulam a empatia e a identificação dos cidadãos para com a cidade.

 

 

“Cartola do Cicerone de São João da Madeira”, de Filomena Almeida

 

GN

 

Qual é a história do seu “chapéu”? Que mensagem quer passar?

O conceito baseia-se na conjugação das palavras-chave: o feltro e as cores institucionais do Município (preto e branco). O chapéu, elemento pré-existente Cartola Gigante e a ideia do cicerone. A Cartola do Cicerone de S. João da Madeira enaltece de forma festiva os vários elementos de identidade da cidade, dando as boas vindas a quem a visita. A animação na cartola vai desde a aba – com um padrão de pequenos chapéus em feltro – ao laço revestido com feltro entrelaçado, passando pela farfalhuda grinalda  de flores na zona da fita onde predominam apontamentos de cor. Enaltecer, através do feltro,  as identidades da cidade relacionados com ele; o município, a indústria atual e o Museu da Chapelaria, como também todo o trabalho desenvolvido pela Feltrando na procura de recuperar tradições relacionadas com o feltro, projetando-o no futuro.

Quanto tempo demorou o processo de construção?

Todo o trabalho desenvolvido – conceção, projeto e produção – demorou uma semana.

Que materiais usou?

A intenção nesta animação da cartola pré-existente foi utilizarmos as várias formas de feltro com que diariamente trabalhamos na Feltrando: cortado com cortante – formato de chapéus que faz um padrão na aba; feltro em cone e em forma de capeline, aparas das abas – as flores da grinalda, e as tiras de feltro entrelaçado – no laço.

 Que acha desta iniciativa? E do Festival do Chapéu? 

 O Hat Weekend encerra em si tudo aquilo que a Feltrando tem vindo a desenvolver desde 2013 ao ganhar o prémio Oliva Rewind Award com a bolsa para senhora Miss Olive.

O Hat Weekend procura manter vivo na região e divulgar fora dela, aquilo que de mais de valor tem o seu património cultural e histórico relacionado com o feltro comemorando-o de forma festiva e contemporânea, revitalizando sinergias, para manter vivo esse mesmo património.

 

 

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui