O Triunfo do Gin

0
49

Foi necessário encerrar ruas de acesso à Praça Luís Ribeiro ( S. João da Madeira ), para que nas redes sociais crescessem em espetacularidade a informação que nos prestavam sobre o festival do Gin.

Foi preciso esperar pacientemente pelo primeiro fim de semana ( 6 e 7 ) de setembro 2019, para que o país fosse informado, à laia de alerta, de algo que a população vizinha não só presenciou, mas também viu com os seus próprios olhos. Um festival de arromba, de criar inveja.

Foi preciso esperar por uma mudança política na autarquia, desta feita da responsabilidade do Partido Socialista, assumidamente alternativa ao PSD/CDS, para que as redes sociais fossem fonte de informação do sucesso que foi o Festival do Gin.

Os Sanjoanenses certamente que estão orgulhosos e aprovam a espetacularidade do evento, daí que premeiam quem por isso o fizeram sentir, a Câmara Municipal.

Mais, foi preciso uma organização empenhada, criativa e altamente responsável para ser parte integrante da notícia nas redes sociais com direito a reportagem de análise, comentário especializado sobre o evento durante vários dias.

Um concelho como S. João da Madeira, que conta cerca de 22 mil habitantes, não precisou mais que dois anos para que a realidade vivida invadisse em notícia nas redes sociais à custa da 4ª edição do evento subordinado ao tema “Hollywood”.

Imagino que este sentimento expressando-se de formas dissemelhantes, é pelo menos comum a milhares de pessoas de diversas nacionalidades e basta ver nas redes sociais para constatar as fotos comoventes que umas quantas pessoas lá colocaram com imagens suas orgulhosas da Festa do Gin.

À festa eu não podia faltar e sentado num dos bancos de pedra na Praça Luís Ribeiro, centro das atenções do Festival, vendo o corrupio de milhares de pessoas de um lado para o outro, assim como nas ruas envolventes, dou comigo a pensar nas razões que fazem com que gente tão diferente ali permaneça.

Os espetáculos quase contínuos e de diferentes expressões musicais num só palco, o privilégio de no mesmo espaço (centro) se encontrar os balcões do Gin, ao lado esplanadas cheias, mais ao lado um espaço próprio para tendas e roulotes de gastronomia e mais o que não podia faltar, insufláveis e

pinturas faciais e os espétaculos proporcionados às crianças; o ambiente de festa com a circulação e a possibilidade de se assistir nas ruas música e espetáculos de teatro de rua, fez com que os dois dias houvesse momentos de grande alegria e convívio, famílias inteiras a usufruir da espetacularidade do evento. E assim triunfou o Festival do Gin. Para o ano há mais !!!

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui