AD Sanjoanense, 1 – CF Canelas 2010, 0

Jogo no Estádio Conde Dias Garcia.

Árbitro: Márcio Torres, auxiliado por Emanuel Rocha e César Peixoto (AF Viana Castelo).

AD Sanjoanense: Diogo Almeida, Ibrahim (Daniel, 77’), Rúben Godinho, Gil Barros, George (Juninho, 62’), Ricardo, Bilu, Elisson (Barbosa, 62’), Elder Santana, Edson.

Suplentes: Rui Mota, Almeida, Barbosa, Bruno Amorim, Jota, Daniel, Juninho.

Treinador: Sérgio Machado.

CF Canelas 2010: Raphael, Simão, Wiliam, Nando, David (João pereira, 17’), Pami, Francisco Sousa, Bruno Costa (Samu, 75’), Rafa (Fábio Rola, 62’), Vítor Borges, Penantes.

Suplentes: Fabrício, Vítor Fonseca, Samu, Leo, João Pereira, Zakari, Fábio Rola.

Treinador: Tiago Margarido.

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Wiliam (25’), Rafa (43’), Vítor Borges (57’), Fábio Rola (69’), Ricardo (69’), Simão (90’+3’). Cartão vermelho para Bilu (após jogo), Vítor Borges (após jogo).

Marcha do marcador: 1-0 por Juninho (90’+4’).

Um golo solitário e conseguido no último lance da partida fez com que a Sanjoanense ascendesse à terceira posição na tabela classificativa, mas os alvinegros tiveram de sofrer para chegar aos três pontos diante de um adversário que apresentou um jogo duro e faltoso.

Frente a uma equipa que tem ficado conhecida por algumas situações polémicas e que ainda não tinha perdido em jogos oficiais esta época, a receção ao Canelas 2010 era encarada com algumas cautelas fora das quatro linhas, mas dentro de campo a Sanjoanense não se intimidou e procurou, desde logo, impor o seu futebol, mas a partida foi-se desenrolando, na sua maioria, a meio campo e foram poucas as situações de perigo.

Aos 25 minutos, contudo, os homens de Sérgio Machado conseguem progredir no terreno e rasgar a defensiva visitante, mas Elder Santana é travado em falta por Wiliam. O brasileiro assume a responsabilidade da grande penalidade, mas permite a defesa do guardião visitante.

O lance parecia dar ainda mais ânimo aos locais, que pouco depois da meia hora voltaram a chegar, por duas vezes, perto da baliza visitante, mas sem incomodar Raphael, enquanto o Canelas, aproveitando uma falha dos alvinegros, só criou algum perigo já perto do intervalo.

Na segunda parte a Sanjoanense entrou com vontade de alcançar os três pontos e logo no reatar da partida Elder Santana obrigou Raphael a uma grande defesa. Diogo Almeida não ficou atrás e cinco minutos depois respondeu da mesma forma a um forte remate de Francisco Sousa.

Já em tempo de compensação, e com a Sanjoanense mais pressionante, os alvinegros chegam ao golo no último lance da partida com Juninho, em resposta a um cruzamento, a cabecear para o fundo das redes.

Com este triunfo a Sanjoanense garantiu a subida ao terceiro lugar da classificação.

No próximo fim de semana os alvinegros deslocam-se ao recinto do Trofense.

ADS-Canelas termina com confusão dentro e fora das quatro linhas

Depois de 90 minutos o golo da vitória alvinegra surgiu no último lance da partida, mas atrás dos festejos veio também a confusão, quando um atleta da casa decidiu comemorar junto ao banco de suplentes do Canelas 2010.

A partir daí gerou-se alguma confusão e dois adeptos alvinegros entraram mesmo no relvado acabando identificados pela PSP.

Com o jogo já terminado os desacatos estenderam-se à zona dos balneários e, posteriormente, para a rua que separa o Estádio Conde Dias Garcia do Centro de Formação Desportiva, com alguns atletas do Canelas 2010 a envolverem-se em confrontos com adeptos da Sanjoanense, obrigando, mais uma vez, à intervenção da PSP.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui