Nova Praça é para avançar mesmo sem “referendo local”

0
661
DR

Obra poderá arrancar já no início do próximo ano

 

A câmara municipal aprovou hoje por maioria, com os votos contra da coligação PSD/CDS-PP, o projeto final de  e o lançamento do respetivo concurso.
Apesar de a oposição ter pedido o adiamento deste ponto da ordem de trabalhos e até ter sugerido a realização de um “referendo local” por entender que “o assunto merecia mais debate”, a obra do novo centro cívico da cidade, inclusive da “nova” Praça Luís Ribeiro, é mesmo para avançar. A empreitada poderá arrancar já no início do próximo ano, sendo que o seu prazo de execução é de 365 dias.
Segundo Jorge Sequeira, não só “o projeto foi participado”, como esta proposta da coligação “é impraticável”, podendo “pôr em causa o financiamento comunitário”. Aliás, para o autarca, “isto só faria sentido se fosse há mais tempo” e não agora.

(ler mais na edição de papel)

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui