No Dia do Município 

Depois da sua aprovação em Assembleia Municipal a 23 de setembro último, a Medalha de Mérito Municipal em Ouro não demorou muito tempo até ser entregue à Tuna dos Voluntários de S. João da Madeira, fundada por Ramiro Salgado e que este ano está a comemorar 40 anos de atividade. Tal como o labor adiantou em primeira mão, a distinção, que resultou de uma proposta apresentada pela coligação PSD/CDS-PP em reunião de câmara, foi feita “com pompa e circunstância” no dia 11 de outubro.

Perante uma numerosa assistência, que a aplaudiu de pé, a presidente Minda Araújo recebeu a medalha das mãos de Jorge Sequeira, para quem “precisamos cada vez mais de ritos, símbolos, referências e orientações”. Aliás, segundo o autarca, “o associativismo afasta-nos do ‘abismo’” e, por isso, “temos de homenagear cada vez mais as boas práticas e os bons exemplos”, como os que são dados pela Tuna dos Voluntários.

A evolução desta agremiação sanjoanense ao longo de quatro décadas permitiu-lhe chegar ao formato de orquestra, levando o nome do Município por todo o país e além-fronteiras. No seu historial constam a gravação de seis LP´S e dois CD´s de áudio, a participação na coletânea “Velhas Palavras, Novas Leituras” registada em CD e DVD e até uma atuação nos Estados Unidos da América em 2000. Entre as iniciativas mais recentes está a gravação do hino do Movimento Democrático das Mulheres a pedido do próprio movimento.

Para além da música, a Tuna dos Voluntários promove eventos culturais como a “Açorda com Letras” composta por declamação de poesia e momentos musicais e a “Trupe de Reis” que reúne grupos de diversos pontos do país, como o nosso jornal já noticiou em outras edições.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui