O ciclo temático “Criar entre Mundos. Da Cabeça aos Pés” encerra a programação deste ano nos museus através da inauguração de duas exposições que foram inauguradas a 11 de outubro, Dia do Município de S. João da Madeira.

Uma delas é a exposição “55 anos de Chapéus de Alta-Costura” de Marianne Jongkind que apresenta pela primeira vez o seu trabalho em Portugal.

A designer chegou dois dias antes da inauguração da exposição com os seus chapéus e ficou “surpreendida” com e sobre tudo o que viu em S. João da Madeira, “muito feliz” pelo Município ter um Museu da Chapelaria e “muito orgulhosa” pela preservação e pela homenagem à identidade, ao trabalho e à cultura do povo sanjoanense.

As primeiras criações de Marianne Jongkind foram criadas entre 1964 e 1988, podendo ser vistos seis modelos muito diferentes referentes a este período da sua carreira nesta exposição.

A alta-costura será a área que projetará o trabalho da designer holandesa. Em exibição estão 26 chapéus e toucados criados entre 1989 e 1999 que foram apresentados em desfiles de alta-costura de alguns dos mais notáveis designers de moda e de chapéus da Holanda como Frank Govers (1931-2010), Edgar Vos (1931-2010) ou Frans Hoogendoorn. Para além destes 32 modelos, podem ainda ser vistos mais 23 criados entre 2010 e 2019 que são considerados inspirações ousadas e nos quais é possível ver a admiração de Marianne Jongkind pelas formas geométricas que levam à criação de um design único.

A designer holandesa tem preferência pelas técnicas antigas que combina com as mais modernas.

Sempre que recebe um pedido, recebe um esboço, e inicia um “processo de experimentação muito prazeroso” para que o chapéu fique o mais parecido possível com o pretendido pelo cliente, assumiu Marianne Jongkind que também é professora. “Gosto muito de partilhar o conhecimento com os jovens que se virão a tornar criadores”, admitiu a designer.

O presidente da câmara, Jorge Sequeira, agradeceu a presença de todos na inauguração das exposições temporárias nos museus que são “duas instituições muito importantes da cidade que representam a marca identitária de S. João da Madeira” e que uma vez mais estão a mostrar “o que de melhor há no mundo na área dos chapéus e do calçado”.

“Dona de um estilo muito peculiar”

Marianne Jongkind é “dona de um estilo muito peculiar” e, por isso, “destaca-se pelo uso de linhas elegantes e formas excentricamente volumosas e quantas vezes geométricas, que remetem para uma das suas fontes de inspiração prediletas: a arquitetura”. “A sua mente é o caderno de rascunho onde conjuga, com grande mestria, uma riquíssima paleta de cores com os mais inusuais materiais como feltro, cartão, palha, corda, couro ou até acrílico, e técnicas de criação que ultrapassam as fronteiras do convencional” e “as suas mãos, as ferramentas do rigor e perfeição que tanto caracterizam e dão vida aos mais belíssimos e extravagantes chapéus”, descreve Joana Galhano, diretora dos museus, considerando que “cada chapéu e toucado seus representam um momento ímpar de criação e, por esse motivo, eles são peças únicas e irrepetíveis”.

A exposição “55 anos de Chapéus de Alta-Costura” de Marianne Jongkind pode ser visitada até 3 de maio de 2020 no Museu da Chapelaria.

 

Sanjoanense adaptou temas às sonoridades holandesas

DF

Um momento musical protagonizado por Patrícia Pereira e a sua concertina antecedeu a inauguração da exposição de Marianne Jongkind no Museu da Chapelaria.

Os dois temas tocados são da autoria da artista sanjoanense que os adaptou à música tradicional holandesa pelo facto de a designer ser, precisamente, da Holanda.

Patrícia Pereira demonstrou estar “muito contente” e ter “muito gosto por estar presente na receção de mais uma exposição de designers de chapéus” no Museu da Chapelaria.

 

DR

Designer doou chapéu ao museu

 

À semelhança dos anteriores designers convidados para este ciclo temático, Marianne Jongkind doou um dos seus chapéus ao Museu da Chapelaria.

O chapéu em veludo negro com fitas vermelhas sobre uma base de buckram e feltro foi criado para Frank Govers em 1992.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui