Créditos: António Anacleto

Riba d´Ave HC, 7 – AD Sanjoanense, 5

Jogo no Pavilhão do Parque das Tilias, em Riba d’Ave.

Árbitros: Orlando Panza e Sílvia Coelho (FP Porto).

Riba d´Ave HC: Diogo Fernandes, Diogo Seixas, Nuno Pereira, Luís Melo, Hugo Azevedo, Pedro Freitas, Tomás Pereira, Diogo Casanova, Daniel Pinheiro, Dinis Abreu.

Treinador: Hugo Azevedo.

AD Sanjoanense: Tiago Freitas, João Lima, Tiago Almeida, Pedro Cerqueira, Xavi Cardoso, Marco Lopes, Alex Mount, Pedro Rego, Facundo Navarro, José Almeida.

Treinador: Vítor Pereira.

Ação disciplinar. Cartão azul para Nuno Melo (0’30’’), Dinis Abreu (16’), Pedro Cerqueira (39’).

Marcha do marcador: 1-0 por Hugo Azevedo (4’), 2-0 por Tomás Pereira (6’ gp), 2-1 por Facundo Navarro (10’ gp), 2-2 por Alex Mount (14’), 2-3 por Facundo Navarro (16’) 3-3 por Diogo Seixas (20’), 4-3 por Hugo Azevedo (21’), 4-4 por Xavier Cardoso (34’), 5-4 por Diogo Seixas (36’), 6-4 por Hugo Azevedo (38’), 7-4 por Daniel Pinheiro (40’ gp), 7-5 por José Almeida (49’).

Ao intervalo: 4-3.

Faltas: Riba d´Ave HC, 9 | AD Sanjoanense, 19.

Num encontro entre duas equipas que chegavam ao jogo sem qualquer vitória, foi mais feliz a formação de Riba d’Ave, que, apesar de ter entrado melhor chegou a estar em desvantagem e por duas vezes viu a igualdade no marcador, mas no final o triunfo ficou com os locais.

Com quatro minutos de jogo a formação da casa inaugurava o marcador e pouco depois ampliava a vantagem, perante uma Sanjoanense que só conseguiu responder de bola parada com Facundo Navarro a converter uma grande penalidade aos 10 minutos. O golo empurrou os alvinegros para a recuperação e foi por intermédio de dois estrangeiros que a Sanjoanense acabaria por assumir o comando do marcador à passagem do quarto de hora, primeiro por intermédio de Alex Mount e depois com o segundo do argentino.

O Riba d’Ave não baixou os braços e a reação surgiu ainda antes do intervalo, com Diogo Seixas e Hugo Azevedo a colocarem novamente os locais na liderança (4-3).

Na segunda parte a Sanjoanense procurou novamente a recuperação e Xavier Cardoso ainda conseguiu igualar a partida, mas Diogo Seixas não demorou a bater novamente Tiago Freitas, abrindo caminho para o triunfo do Riba d’Ave, que até ao final ainda marcou por mais duas vezes.

A Sanjoanense lutou sempre pela recuperação e foi José Almeida que fechou a contagem com o quinto dos alvinegros.

No próximo sábado a jornada não será fácil para a Sanjoanense, que recebe, pelas 17h30, a formação vizinha da Oliveirense, encontro que se espera que encha o pavilhão alvinegro.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui