ADC Bairros, 5 – Dínamo Sanjoanense, 6

Jogo no Pavilhão Municipal de Castelo de Paiva.

Árbitros: Miguel Maravilha e Marco Gonçalves.

ADC Bairros: Guilherme, Luís Silva, Sá Pinto, Pechelim, João Teixeira, Pedro Espincho, Renato Monteiro, Tiago Rafael, Miguel Saraiva, André Fidalgo, Rui Couto.

Treinador: José Magalhães.

Dínamo Sanjoanense: Nuno Couto, Diogo Costinha, Valter Batista, Nando Costa, Pedro Sousa, Babas, Diogo Tavares, Xavier Moreira, Pedro Gomes, João Carvalho, Emídio Baptista, Tiago Silva.

Treinador: Luís Sá.

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Nando Costa (4’), João Carvalho (9’), Guilherme (16’), Pechelim (21’), Luís Silva (22’), Valter Batista (31’), Rui Couto (34’). Cartão vermelho para Tiago Rafael (depois jogo) Babas (depois jogo).

Marcha do marcador: 0-1 por Diogo Costinha (1’), 1-1 por Sá Pinto (4’), 1-2 por Nando Costa (15’), 1-3 por Pedro Sousa (19’), 2-3 por Pechelim (21’), 2-4 por Diogo Tavares (21’), 2-5 por Diogo Costinha (25’), 3-5 por Pechelim (26’), 4-5 por Miguel Saraiva (33’), 5-5 por Tiago Rafael (36’), 5-6 por Diogo Tavares (39’).

Ao intervalo: 1-3.

Com o Dínamo na liderança, a deslocação a Castelo de Paiva para defrontar a formação de Bairros, posicionada vários lugares a baixo do conjunto sanjoanense, não se esperava difícil, mas os locais complicaram o trabalho dos homens de Luís Almeida, que só conseguiram garantir mais um triunfo nos instantes finais da partida.

E até foi o conjunto que viajou de S. João da Madeira que entrou melhor na partida, inaugurando o marcador praticamente no arranque do encontro, com Diogo Costinha a desviar para o fundo das redes um passe de um colega de equipa. A reação dos locais não demorou e foi Sá Pinto, pouco depois, num lance de bola parada, a restabelecer a igualdade, que se manteria até ao primeiro quarto de hora, altura em que Nando Costa isola-se e, sem oposição frente ao guardião local, apontou o segundo. Com uma primeira parte em que o Dínamo esteve melhor, Pedro Sousa acabaria por fixar o resultado ao intervalo nos 1-3 já no último minuto da primeira parte.

Na etapa complementar a formação da casa entrou mais aguerrida surpreendendo o Dínamo, que depois de estar a vencer por 2-5 acabaria por ver os locais recuperarem e chegarem à igualdade a cinco bolas a cerca de quatro minutos do final do encontro, levando o pavilhão ao rubro.

Com tudo em aberto, a equipa de Luís Almeida procurou reagir e numa altura em que controlava a posse de bola foi Diogo Tavares, quase sem ângulo e junto à linha lateral, com um remate de primeira, a confirmar mais um triunfo do Dínamo Sanjoanense.

No próximo dia 14 o conjunto sanjoanense volta a jogar fora de casa deslocando-se ao Pavilhão Desportivo de Manteigas para defrontar o GD Sameiro.

Outros resultados
Juniores
D. Sanjoanense, 7 – CD Cucujães, 2
Juvenis
D. Sanjoanense, 5 – AJ Fiães, 3
Iniciados
D. Sanjoanense, 19 – Lordelo, 0
Iniciados B
D. Sanjoanense, 6 – Albergaria, 4
Infantis
Maceda, 2 – D. Sanjoanense, 5
Benjamins
D. Sanjoanense, 26 – Maceda, 1
Traquinas
Lordelo, 6 – D. Sanjoanense, 1
Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui