Créditos: Leça FC

Leça FC, 0 – AD Sanjoanense, 0

Jogo no Estádio Leça Futebol Clube, em Matosinhos.

Árbitro: Fábio Nunes (AF Viana Castelo).

Leça FC: Cristiano, Manuel Né, João Paulinho, Nelsinho, João Paulo (Jair, 75’), Van Zeller (Adilson, 58’), Teles, Isaac (Vieira, 83’), Pecks, Zé Carlos e Paulo Lopes.

Suplentes: Gustavo Galil, Cláudio Borges, Kevin Lopez, Jair, Pedro Prazeres, Adilson, Vieira.

Treinador: Domingos Barros.

AD Sanjoanense: Diogo, Gil Barros, Rúben, Godinho, Daniel, Barbosa, George, Juninho (Elisson, 79’), Marcilio (Bilu, 60’), Elder Santana e Belkheir.

Suplentes: Rui Mota, Ibrahim, Ricardo Almeida, João Oliveira, Elisson, Bruno Amorim, Bilu.

Treinador: Sérgio Machado.

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Zé Carlos (5’), Elder Santana (29’), George (35’), Rúben (36’), Van Zeller (44’), Belkheir (47’), Barbosa (68’), Belkheir (87’), Pecks (88’). Cartão vermelho para Belkheir (87’).

Foi com um nulo no marcador que a Sanjoanense regressou de Leça, mantendo, no entanto, a perseguição ao segundo lugar já que a formação de Lourosa também dividiu pontos na deslocação a Espinho.

A deslocação ao recinto do quarto classificado não se esperava fácil para os homens de Sérgio Machado, mas o mau tempo que se fez sentir, tornando o terreno de jogo demasiado pesado, trouxe dificuldades acrescidas às duas equipas e o nulo acabaria por persistir até ao final do encontro.

Com um relvado encharcado, as transições eram longas e o futebol direto e apesar de algum equilíbrio inicial, num jogo onde as oportunidades foram escassas, foi a Sanjoanense a primeira a chegar com algum perigo quando, pouco depois dos 10 minutos, Elder Santana rematou de fora da área à procura do golo, mas a bola acaba por sair ao lado da baliza à guarda de Cristiano.

A resposta dos locais surgia antes da meia hora num lance de bola parada com um livre junto à linha lateral que saiu em direção às redes alvinegras e que obrigou Diogo a desviar para canto, lance que acabaria por não levar perigo para os homens de S. João da Madeira.

Na segunda parte o Leça entrou com mais confiança e agressividade e chegou a estar perto do golo, mas os remates de Isaac e João Paulinho saíram ao lado da baliza alvinegra, que procurou reagir ao jogo apresentado pelos locais e conseguiu trazer novamente equilíbrio, criando uma das melhores oportunidades para colocar o marcador em funcionamento com Godinho a cabecear ao poste.

Já nos últimos instantes foi a excelente exibição de Diogo que permitiu à Sanjoanense regressar a casa com um ponto na bagagem, quando no último lance de ataque da partida três defesas consecutivas do guardião alvinegro mantiveram o nulo no marcador.

No próximo dia 22 realiza-se o último jogo de 2019 com a Sanjoanense a receber, às 15h00, a formação do Vila Real.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui