Mas continua sem existir na região do Entre Douro e Vouga

O Hospital de Dia de Psiquiatria do Hospital de S. João da Madeira, integrado no Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga, é um dos centros hospitalares do país que tem “toda a capacidade para passar a ter internamento porque em toda a região do Entre Douro e Vouga não existe internamento em psiquiatria”, disse Catarina Martins, Coordenadora do Bloco de Esquerda, durante a visita que realizou a este espaço no dia 28 de janeiro.

“Hoje estamos aqui para chamar à atenção para uma vertente essencial do Programa Nacional de Saúde Mental que tem ficado na gaveta durante anos sucessivos e que é essencial”, afirmou Catarina Martins, apontando a Saúde Mental como “uma das maiores falhas de resposta na saúde em Portugal”. Das vertentes deste programa, a Coordenadora dos bloquistas destacou “a necessidade de haver equipas comunitárias; a dispensa gratuita de medicamentos anti psicóticos e de acompanhar os doentes na sua medicação e, em terceiro lugar, de existir internamento de psiquiatria em vários locais do país”.

10 Mil sessões num universo de 669 doentes em 2019

O Hospital de Dia de Psiquiatria registou “quase 10 mil sessões para um universo de 669 doentes”, revelou Sara Mariano, Chefe do Serviço de Psiquiatria do CHEDV, à margem da visita, mencionando a articulação com o Centro de Saúde, o Município e o Centro de Arte Oliva em S. João da Madeira.

“Quando foi lançado o Plano Nacional de Saúde Mental predefinia que a nossa zona devia ter internamento porque temos uma área de 300 mil habitantes, uma média de 30 pacientes internados no Magalhães Lemos que fica longe do ponto de vista de acessibilidade e que não é equitativa em relação ao que acontece noutras regiões”, relembrou Sara Mariano. Para a Chefe do Serviço de Psiquiatra do CHEDV, a criação do internamento neste centro hospitalar é “uma necessidade absoluta porque os doentes que precisam de internamento são os que têm situações mais graves” e “é muito importante manter a família próxima” e até a equipa médica que os acompanha “para que possamos realizar todo o percurso da doença para promover saúde”.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário!
Por favor, insira o seu nome aqui