Municípes podem contactar os serviços camarários através de linhas especiais e de dois balcões de atendimento virtuais

No seguimento das medidas adotadas contra o surto do novo coronavírus, a Câmara Municipal de S. João da Madeira informou no passado dia 15 de março que “o atendimento presencial apenas será feito em situações excecionais e inadiáveis mediante marcação”, depois de ter apenas restringido o acesso no dia 13 de março.

Com o intuito de dar uma maior resposta aos contactos que possa vir a receber, a autarquia também acrescentou uma nova linha telefónica (256 200 250) para o atendimento ao municípe, que se junta à linha já existente (256 200 200) e ao contacto de email atendimento@cm-sjm.pt. Este mesmo endereço eletrónico serve também para, através do Skype, contactar diretamente com um técnico do Gabinete de Atendimento ao Munícipe, através de videochamada, para que dessa forma seja possível tirar dúvidas ou solicitar esclarecimentos.

Para além desta nova linha, “vamos divulgar linhas especiais, segmentadas para apoio por departamento”, deu a conhecer o presidente da câmara, Jorge Sequeira, durante a conferência de imprensa realizada sobre o COVID-19 e medidas municipais adotadas realizada segunda-feira passada no Fórum Municipal.

Um dia depois as novas linhas – Ação Social (‪969 290 106 ou ‬256 200 237), Obras Particulares (256 200 244),‬
Planeamento e Ordenamento (256 200 227‬), Ambiente (256 200 215),

Educação (‪256 200 214), Desporto (256 200 295) e ‬Obras Municipais (256 200 232) – foram divulgadas pelo Município.

Entretanto, a câmara municipal criou um balcão de atendimento através do Skype que já está em funcionamento e antecipou o lançamento do balcão virtual, onde é possível consultar, preencher e enviar requerimentos das áreas presentes no Gabinete de Atendimento ao Munícipe.

O Balcão Virtual encontra-se dividido por diferentes setores, desde a Educação, Ação Social, Obras Particulares, Ambiente, entre outros, e pode ser consultado em www.cm-sjm.pt.

Toda esta situação levou a “uma profunda e vasta reorganização dos serviços municipais” e estas medidas são “um complemento” ao plano de contingência municipal criado pelo coordenador municipal de proteção civil em fevereiro, considerou Jorge Sequeira.

Até 9 de abril

Espaços municipais encerrados

O Município decretou o encerramento dos seguintes equipamentos municipais até ao dia 9 de abril: Auditório da Casa das Associações; Auditório da Sanjotec; Auditório e galeria de arte dos Paços da Cultura; Auditório Municipal; Biblioteca Municipal; Campo de Jogos das Travessas; Casa da Criatividade; Centro de Arte Oliva; Centro de Formação Desportiva; Complexo Desportivo Paulo Pinto (pavilhão, piscinas e ténis); Edifício da Torre da Oliva; Moinho, Casa do Forno e Casa da Eira do Parque do Rio Ul; Casa da Natureza do Parque do Rio Ul; Museu da Chapelaria; Museu do Calçado; Pavilhão das Travessas; Sala dos Fornos da Oliva Creative Factory; Espaço 16 de maio (instalações da Associação É Bom Viver); Espaço Vida (onde funciona o projeto Habitus e o Ginásio Social); Parque Radical da Praça Barbezieux (em frente ao Cemitério N.º3) e Equipamentos Desportivos Municipais instalados nos parques e nas zonas residênciais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...