A compra de ventiladores para o Hospital de S. Sebastião com o intuito de reforçar esta unidade de saúde com condições de resposta face ao surto de Covid-19 foi uma das consequências práticas da reunião realizada na semana passada por videoconferência entre os presidentes das câmaras de S. João da Madeira, Arouca, Espinho, Oliveira de Azeméis, Santa Maria da Feira e Vale de Cambra.

Nessa reunião, foram “analisados os recursos existentes em cada concelho que podem vir a ser necessários para fazer face à evolução das circunstâncias, designadamente no que concerne ao apoio à ação das entidades de saúde e de proteção civil face ao coronavírus”, segundo a informação divulgada pela câmara sanjoanense a que teve acesso o labor.

O número de ventiladores que podem vir a ser comprados ainda “não está ultimado”, mas o assunto está a ser articulado com uma troca constante de informação entre a Associação de Municípios, os fornecedores e a direção do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV), adiantou Jorge Sequeira ao labor.

O nosso jornal tentou saber o número de ventiladores existentes no Hospital S. Sebastião e se estes são suficientes para dar resposta aos doentes infetados com Covid-19, mas não foi possível obter essas informações junto do CHEDV até ao fecho da edição.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here