Depois de um mês de suspensão, as provas nacionais não-profissionais de futebol e futsal foram canceladas. A decisão foi tomada hoje (8 de abril) pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) depois de reunir com as associações distritais e regionais, tendo chegado à conclusão que “continuam a não estar reunidas as condições de saúde pública para que clubes com estruturas amadoras, como é próprio das provas em que participam, possam treinar e competir em segurança”. Para além disso, a FPF recorda que “vigora em Portugal o Estado de Emergência, pelo menos, até ao dia 17 de abril, sendo possível a sua prorrogação”, circunstâncias que “impedem o normal decurso das competições, sendo imprevisível antever quando e se tais condições de saúde pública estarão reunidas ainda durante esta época desportiva”.

“Assim, a Direção da FPF entendeu dar por concluídas, sem vencedores, todas as suas competições seniores que se encontram nesta data suspensas, não sendo atribuídos títulos nem aplicado o regime de subidas e descidas”, esclarece o organismo que tutela o futebol nacional no comunicado divulgado, onde acrescenta que “analisará e comunicará com a maior brevidade possível de que forma serão indicados os dois clubes que acedem à II Liga de futebol, bem como os representantes de Portugal na Liga dos Campeões de futebol feminino e de futsal masculino”.

Por definir ficam também os moldes em que decorrerão as competições nacionais não-profissionais na época 2020/21, situação que a FPF sublinha estar a estudar com as associações distritais e regionais.

De referir que a Sanjoanense, que competia na Série B do Campeonato de Portugal, é um dos clubes que vê a época terminar de forma antecipada.

De recordar que há cerca de uma semana a Federação Portuguesa de Futebol já tinha decidido dar por terminados os campeonatos nacionais jovens.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here