Em nota de imprensa, enviada à redação do labor um dia depois da aprovação em sede de executivo municipal do pacote de 20 medidas socioeconómicas para mitigar os efeitos da crise pandémica, a coligação PSD/CDS-PP afirma que “valeu a pena o trabalho desenvolvido” e mostra “grande satisfação” por ver a autarquia a pôr “em prática muitas das propostas que a coligação PSD/CDS-PP havia apresentado em reunião de câmara”. Aliás, em seu entender, “os apoios agora apresentados pela edilidade não são mais do que parte daquilo que foi apresentado publicamente pela coligação, algo que valoriza o trabalho responsável de uma oposição positiva e construtiva”.

Se bem que, e como faz questão de dizer no comunicado, “a coligação teria aprovado mais medidas, conforme as propostas que apresentou, todas elas focadas nos sanjoanenses e no seu bem-estar”. Por exemplo, “em relação à água e ao saneamento, o presidente da câmara informou que está a preparar uma proposta para redução dos valores a pagar para as instituições, empresas e comércio, mas a coligação considera que essa medida também tem de chegar às famílias”. De acordo com a vereadora Fátima Roldão, “todas as famílias que tiveram redução dos seus rendimentos também deveriam ser abrangidas por um apoio da câmara municipal, com uma redução na tarifa”.

 

Oposição disponível para continuar a dar “contributos”

Na reunião de câmara do passado dia 14, ainda segundo o texto recebido pelo nosso jornal, “os vereadores da coligação reforçaram, mais uma vez, a disponibilidade para dar continuidade ao trabalho de desenvolvimento e apresentação de novas propostas de apoio” e “aproveitaram ainda para agradecer a todas as entidades que fizeram doações e a todos os profissionais que estão na linha da frente no combate à Covid-19”. “Em nome dos sanjoanenses e do seu bem-estar, a coligação PSD/CDS-PP vai continuar a dar os seus contributos, apresentando e aprovando boas medidas para o combate a esta pandemia. Esta é a nossa forma de estar na política, focados nos sanjoanenses e em S. João da Madeira”, garante a oposição.

 

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here