O apartamento cedido pelo Município à Santa Casa da Misericórdia de S. João da Madeira, tendo em vista a reintegração social de pessoas sem-abrigo, em quarto de pensão ou em habitação precária, abriu portas em junho de 2019.

Um ano depois “o apartamento tem três residentes e um quarto está sinalizado para entrar brevemente, completando-se a sua capacidade”, adiantou Vítor Gonçalves, diretor de serviços da Misericórdia, ao labor.

Até ao momento, “a avaliação deste processo é muito positiva, quer quanto à integração dos residentes no apartamento, quer no contexto social envolvente”, concluiu.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here