Em 2019 

A câmara municipal (CM), através da sua Divisão de Ação Social e Inclusão, é a promotora do projeto comunitário Habitus, que decorre em S. João da Madeira desde 2018, com especial incidência nas zonas de Fundo de Vila/Orreiro e Parrinho/Mourisca, tendo como entidades executoras as associações do concelho Mentemovimento, Ecos Urbanos e Centro de Cultura e Desporto (CCD).

Financiada pelo Fundo Social Europeuinserido no programa regional NORTE 2020 do quadro financeiro PT 2020,esta iniciativa tem como objetivo – de acordo com nota de imprensa do gabinete de comunicação do Município remetida ao labor -“o desenvolvimento de competências pessoais e sociais, promovendo uma melhoria da qualidade de vida, bem-estar, igualdade de acesso a oportunidades, para restabelecer ou contribuir, de forma sustentada, para o sentimento de pertença à comunidade”.

 O relatório relativo ao trabalho realizado nesse âmbito ao longo de 2019 foi recentemente apresentado pela respetiva equipa técnica ao presidente da CM, Jorge Sequeira, e às vereadoras Irene Guimarães (Educação e Saúde) e Paula Gaio (Ação Social e Inclusão), numa sessão que teve lugar no salão nobre da autarquia e que contou também com a presença de João Figueiredo, da direção da Mentemovimento.

O programa Habitus está dividido em diferentes eixos de Intervenção – Unidade Sócio-Ocupacional; Parentalidade Positiva; Mediação Jovem; Expressão Artística -, sobre os quais incidiu a apresentação efetuada, especificando ações concretizadas, como é o caso das oficinas de expressão artística e sócio ocupacionais, em áreas como a dança, animação de rua, fotografia, cinema, música e informática, entre outras, que registaram cerca de 2.500 participações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...