AD Sanjoanense/Delba, 24 – SC Horta/TRVPro, 22

Jogo no Pavilhão das Travessas.

Árbitros: Mário Coutinho e Ramiro Silva.

AD: Sanjoanense/Delba: Ricardo Gaspar, Guilherme Novo (1), Francisco Silva (1), Pedro Pires (4), Miguel Cortinhas (5), Lucas Santana, Bruno Castro (2), Tiago Antunes (2), Guilherme Silva, Bruno Pinho (2), David Ferreira, António Devile, Jefferson Bastos, Anderson Silva (1), Vinícios Carvalho (6), Ricardo Pinho.

Treinador: Nuno Silva.

SC Horta/TRVPro: Rodrigo Dutra, Spasoje Gacevic (2), Miguel Gomes (4), Danilo Milovis (4), Miguel Bagaço, André Lourenço, Guilherme Bettencourt, Sebastian Montecinos (1), Tiago Pinto, Bruno Landim (4), Diogo Coelho (3), Haris Pleh, Tomás Zeller, António Vozila, José Silva (2), Gustavo Daniel (2).

Treinador: Tiago Cunha.

Ao intervalo: 8-11.

À oitava jornada a Sanjoanense alcançou a primeira vitória no campeonato, mas num jogo extremamente equilibrado os alvinegros tiveram de suar e sofrer para bater a formação do SC Horta por dois golos de vantagem. Apesar de uma reta final emotiva, com o vencedor a ser encontrado apenas nos instantes finais da partida, foi a formação açoriana que inaugurou e liderou o marcador durante grande parte do encontro, não conseguindo, no entanto, grande distância, com os homens de Nuno Silva a não permitirem que o adversário alcançasse uma vantagem superior a cinco golos (5-10) que se registou apenas na primeira parte, a cinco minutos do intervalo. Diferença que os locais acabariam, no entanto, por atenuar ainda antes do período de descanso, altura em que o marcador registava 8-11 favorável aos visitantes.

No arranque da segunda parte a Sanjoanense continuou a demonstrar fragilidades no aspeto defensivo e algumas dificuldades no ataque para ultrapassar o bloco do SC Horta, que foi conseguindo manter-se na liderança, mas sempre perseguido pelos alvinegros, que a meio da etapa complementar começaram a encurtar a distância no marcador e a cerca de 10 minutos do final assumiam a liderança (20-19). A equipa insular tentou reagir à desvantagem e no espaço de três minutos regressou à liderança, mas a resposta da Sanjoanense não podia ter sido melhor e com um parcial de 3-0 em cerca de quatro minutos confirmou a primeira vitória no campeonato.

No próximo sábado a Sanjoanense tem mais um jogo extremamente difícil com a deslocação ao Pavilhão João Rocha para defrontar o Sporting CP, terceiro classificado.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here