“Antes de namorar com alguém, aTrevo-me a gostar de mim!” e “Somos mais fortes quando somos pelo amor ao outro, sem perder o foco no amor-próprio!” são slogans que pertencem à campanha da Estrutura de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica e Violência de Género nos Municípios de Terras de Santa Maria – Espaço Trevo – que visa prevenir a violência nas relações de namoro na semana em que se assinala o Dia de S. Valentim, vulgarmente conhecido como Dia dos Namorados.

Toda a comunidade é desafiada a juntar-se ao movimento #amorpróprio e torná-lo viral precisamente no dia 14 de fevereiro. Aos interessados, o Espaço Trevo sugere a gravação e a partilha de um vídeo nas suas redes sociais, replicando a mensagem usada num vídeo protagonizado por pessoas da região e disponibilizado nas redes sociais das autarquias que integram a Associação de Municípios das Terras de Santa Maria, onde está incluída a de S. João da Madeira. Essa mensagem – transmitida em linguagem gestual – coloca o foco no amor-próprio, estando este sentimento na base de uma melhor prevenção e identificação de casos de violência doméstica. Quem aderir à partilha do vídeo deverá identificar a estrutura@espaco.trevo e utilizar o hashtag #amorpróprio, explica a nota de imprensa enviada pela autarquia sanjoanense ao nosso jornal.

A mesma dá conhecer que o Espaço Trevo é um projeto de combate à violência contra as mulheres, violência doméstica, violência de género e no namoro, desenvolvido no âmbito da Associação Municípios das Terras de Santa Maria que, através do protocolo de Territorialização da Rede de Apoio às Vítimas de Violência Doméstica, estabelecido com o Governo da República em julho de 2020, que tem como objetivo a melhoria da resposta de prevenção, proteção e combate às vítimas de violência, promovendo as condições e articulação necessárias ao atendimento, encaminhamento, apoio e proteção das vítimas. Trata-se de um trabalho em rede, coordenado pela Casa dos Choupos – Espaço Trevo, com diversas entidades que já operam no território dos municípios que integram a Associação de Municípios das Terras de Santa Maria, tais como o Espaço Aurora em S. João da Madeira, que se constitui como uma resposta municipal de apoio e acompanhamento às vítimas de violência doméstica e de género. Este protocolo da Associação de Municípios das Terras de Santa Maria abrange Arouca, Espinho, Oliveira de Azeméis, Santa Maria da Feira, S. João da Madeira e Vale de Cambra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...