42 pertencem à corporação de S. João da Madeira 

 

Entre a semana que passou e esta em curso, 42 bombeiros voluntários de S. João da Madeira (SJM) vão ser vacinados contra o novo coronavírus no Centro de Saúde da cidade.

O número foi adiantado ao labor pelo diretor executivo do Agrupamento de Centros de Saúde (ACeS) Entre Douro e Vouga II-Aveiro Norte, Miguel Portela, e diz respeito a metade do efetivo da corporação sanjoanense. Nesta primeira fase de vacinação será dada prioridade aos “operacionais da saúde” que lidam com doentes Covid.

A inoculação dos soldados da paz tanto de SJM, como de Oliveira de Azeméis (OAz) e de Vale de Cambra (VLC), também concelhos abrangidos pelo ACeS Entre Douro e Vouga II-Aveiro Norte, teve início a 10 de fevereiro e prossegue esta semana.

Ao todo, segundo Miguel Portela, vão receber a vacina “aproximadamente” 153 bombeiros: 42 de  SJM,45 de OAz, 29 da Vila de Fajões e 37 de VLC.

Até à última segunda-feira, “25% dos 50%” operacionais sanjoanenses já tinham tomado a primeira dose, como avançou ao laboro comandante do corpo ativo. Ainda em declarações ao nosso jornal, Normando Oliveira disse esperar que a vacinação “não acabe aqui e que seja vacinado o resto da corporação” o quanto antes.

Pessoas com 80 anos ou mais também já começaram a ser inoculadas

Ao nosso semanário, Miguel Portela confirmou que a vacinação das pessoas com 80 anos ou mais e com doenças associadas já começou no início desta semana, também no Centro de Saúde de S. João da Madeira. Isto, depois de Jorge Sequeira ter falado sobre o assunto na reunião de câmara da última terça-feira.

Conforme mencionou o autarca, o “processo de convocação” encontra-se a decorrer, sendo feito “à medida que as vacinas vão chegando à cidade e estão disponíveis”. Ainda de acordo com o líder autárquico, “nestes dois [primeiros] dias foram perto de 70 pessoas vacinadas de S. João da Madeira e de fora”, uma vez que, “nesta fase, a vacinação dos utentes de Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra e S. João da Madeira está a ser concentrada no nosso Centro de Saúde”.

Por enquanto, como informou, por sua vez, Miguel Portela, a convocatória destas pessoas está a ser feita através de telefonema.

O diretor executivo recordou ainda que “em paralelo com esta nova fase de vacinação iremos continuar com a vacinação das ERPI [Estruturas Residenciais Para Pessoas Idosas] e das corporações de bombeiros”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...