As acusações de falta de investimento na cidade por parte de Gonçalo Fernandes, deputado da coligação PSD/CDS-PP, foram contrariadas por Leonardo Martins, deputado do PS, na última Assembleia Municipal. “Há muito tempo que não havia tantas obras espalhadas pela cidade. Há muito tempo que não havia um volume tão grande de investimento na cidade”, afirmou Leonardo Martins, pedindo, por isso, que seja “feita justiça a este executivo que nos últimos três anos lançou um conjunto muito significativo de obras com vista a melhorar o espaço e o edificado público”. O deputado socialista fez menção às intervenções nas habitações e nos espaços comuns dos bairros sociais, à retirada de amianto nas escolas do 1º ciclo, à remodelação da Escola de Fundo de Vila, à reabilitação e ampliação da Escola Dr. Serafim Leite, ao projeto de reabilitação do antigo ciclo, à reabilitação e revitalização da Praça e do Mercado, à construção da Ponte dos Moinhos e a outras que dentro em breve vão começar como a construção de ciclovias e de passeios entre a zona do Parque do Rio Ul e a Zona Industrial das Travessas. “Apesar da pandemia não falhamos aos sanjoanenses e cumprimos com o que nos comprometemos”, afirmou Leonardo Martins, destacando que “a câmara municipal está a dar o seu contributo para a economia nacional” com “10,5 milhões de euros em obras municipais”. “Não são empreitadas que resultem em grandes obras de engenharia e arquitetura”, mas são obras de “inteira justiça e fazem a grande diferença na vida dos sanjoanenses”, considerou o deputado socialista, atribuindo ao executivo da mesma força política a construção de “uma cidade mais justa onde ninguém fica para trás”.
O presidente da câmara, Jorge Sequeira, corroborou que está “em curso um grande investimento (público e privado) em S. João da Madeira”, dando como exemplo a criação de uma incubadora privada na zona da Oliva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...