Como membro para a Câmara dos Poderes Locais 

O Conselho de Ministros indicou o presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira para assumir funções de membro efetivo no Congresso dos Poderes Locais e Regionais Europeus, que é uma organização com caráter consultivo que pertence ao Conselho da Europa. Jorge Sequeira faz parte da lista de membros portugueses para a Câmara dos Poderes Locais que integra o Congresso dos Poderes Locais e Regionais, informou o Conselho de Ministros em comunicado divulgado quinta-feira da semana passada.

Esta nomeação do autarca sanjoanense tem efeitos para um mandato que inicia em 2021 e termina em 2025, onde estará acompanhado de outros três autarcas portugueses. São eles José Manuel Gonçalves, presidente da Câmara Municipal de Peso da Régua; Carla Tavares, presidente da Câmara Municipal da Amadora, e Jorge Veloso, presidente da Junta da União das Freguesias de São Martinho do Bispo e Ribeira de Frades e presidente do Conselho Diretivo da Associação Nacional de Freguesias, segundo o comunicado.

O Congresso dos Poderes Locais e Regionais é onde estão representadas as autoridades locais e regionais dos 47 membros do Conselho da Europa e está dividido em duas câmaras, a dos Poderes Locais e a das Regiões. A instituição representa mais de 150.000 organismos de poder local e regional e, a par do Comité das Regiões da União Europeia, é a única organização internacional que representa politicamente os municípios e as regiões da Europa.

As reuniões plenárias do congresso vão realizar- se duas vezes por ano no Palácio da Europa, em Estrasburgo, França, onde também está sediado o secretariado permanente.
Contactado pelo labor, o autarca sanjoanense começou por “agradecer a confiança” depositada pelo Conselho de Ministros na sua pessoa para representar Portugal neste Conselho da Europa.

A este novo cargo está associada “uma tarefa que tentarei exercer com toda a dedicação no sentido de representar as autarquias locais portuguesas e contribuir para o aprofundamento e a melhoraria da democracia local e da autonomia dos poderes locais”, revelou Jorge Sequeira ao nosso jornal, a quem assumiu que “é também com muita satisfação que transportarei para o Conselho da Europa o nome de S. João da Madeira”.

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here