Tal como o labor já havia adiantado na sua última edição, com base em comunicado remetido pela instituição, 75 colaboradoras de quatro creches e três estabelecimentos de ensino pré-escolar da Santa Casa da Misericórdia (SCM) de S. João da Madeira foram rastreadas no início desta semana.

A exemplo do que sucede semanalmente nos equipamentos residenciais, o Centro Distrital de Aveiro do Instituto de Segurança Social tomou a iniciativa de também rastrear à SARS CoV-2 aquelas trabalhadoras. A ação foi operacionalizada pelo Laboratório SYNLAB e decorreu durante as 8h30 e as 17h00 da passada segunda-feira, no salão nobre da SCM. O segundo teste será feito volvidos 14 dias, enquanto o terceiro ocorrerá “em função da incidência cumulativa no concelho da resposta social”.

Desde que foram retomados estes rastreios coordenados pela Segurança Social, em 22 de fevereiro último, foram rastreados preventivamente 79 trabalhadores da Misericórdia, sem que houvesse registos de deteção. Seis destes foram, aliás, testados entre 15 e 22 de março.

Centros de dia, CAO e ATL para o 2º ciclo continuam fechados

Após publicação do Decreto nº 4/2021, de 13 de março, da Presidência do Conselho de Ministros, reabriram portas o Centro Infantil, Creche Alberto Pacheco, Abrigo Infantil das Laranjeiras, Infância de Fajões e rede de ATL Artes & Traquinices, abrangendo cerca de 700 crianças.

Do conjunto da operação social da Misericórdia, apenas permanecem encerrados os centros de dia, o Centro de Atividades Ocupacionais (CAO) e o ATL para o 2º ciclo do ensino básico, avança nota de imprensa recebida pelo nosso jornal.

Visitas a utentes estão de volta, mas com limitações

Já em relação aos equipamentos residenciais, como consequência da superação dos surtos infeciosos e da conclusão do processo de vacinação, a Mesa Administrativa decidiu restabelecer o direito a visitas de familiares aos utentes a partir desta semana.

A propósito, a Santa Casa chama a atenção para o facto de o regime de visitas seguir as restrições do período anterior aos surtos, com limitações na duração e no número de visitantes em presença simultânea, distanciamento físico e uso obrigatório de máscara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...