Apresentou projeto de lei que visa evitar o abate injustificado e a poda abusiva

O Bloco de Esquerda quer aprovar legislação de proteção, conservação e fomentação do arvoredo urbano.

Nesse sentido, o partido entregou um projeto de lei na quinta-feira da semana passada ao Parlamento que o vai discutir no dia 8 de abril.

Caso venha a ser aprovada esta lei, as câmaras municipais vão ter de fazer “um inventário do arvoredo urbano” e implementar “um conjunto de instrumentos de gestão que permitam proteger as árvores e fomentar mais área verde no espaço urbano”, adiantou Nelson Peralta, deputado bloquista eleito pelo distrito de Aveiro à Assembleia da República, durante a conferência de imprensa realizada esta segunda-feira na Praça Luís Ribeiro.

O objetivo é formar arboristas que garantam um bom tratamento das árvores e evitar abates injustificados e podas abusivas como a de rolamentos. Também é pedido que cada intervenção tenha participação pública com aviso prévio de 10 dias e divulgação das razões que sustentam a intervenção.

Os bloquistas receberam “queixas em muitas cidades, vilas e aldeias por corte injustificado de árvores de grande porte, podas de rolamento e substituição por árvores que não são adequadas ao local”, revelou o deputado Nelson Peralta, considerando que “existe um problema no país” que deve ser resolvido através desta legislação. Um dos exemplos dados pelo bloquista foi precisamente a cidade de S. João da Madeira.  “Estamos num sítio onde as árvores de grande porte foram cortadas”, indicou Nelson Peralta, considerando que “cortar uma árvore com 50 anos e substituir por duas de dois anos não é a mesma coisa”.

O deputado bloquista acredita que esta é “uma proposta que tem pernas para andar”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...